Alexandra Ferreira tem histórico de violência. Além da mãe, ex namorados também a acusam

Lurdes Ferreira acusa a filha de violência doméstica, mas, em 2012, a TV 7 Dias já tinha denunciado a má relação entre mãe e filha e agressões a ex-namorados.

22 Jan 2020 | 20:50
-A +A

Alexandra Ferreira está a ser acusada pela mãe de violência doméstica. Lurdes Ferreira denunciou, numa entrevista exclusiva à Nova Gente, que é vítima de maus tratos pela filha e que teme pela sua própria vida, e já fez inclusivamente queixa na polícia.

Mas esta má relação entre as duas não é novidade. Entre 2012 e 2013, a TV 7 Dias publicou várias reportagens sobre a ex-concorrente da Casa dos Segredos relativamente a este tema e revelou ainda denúncias de ex-namorados de Alexandra que a acusaram de ser uma pessoa agressiva.

Na edição nº 1349, publicada em janeiro de 2013, a TV 7 Dias falou com uma ex-amiga de Alexandra Ferreira, Juh Macedo, que relatou o clima de guerra entre mãe e filha, ainda antes da entrada da jovem no reality show da TVI: «A Alexandra nem sequer falava com a mãe antes de entrar no programa. Passava dias e dias sem a ver. Ela tinha a chave de casa, chegava tarde e acordava tarde, por isso quase nunca se cruzavam. Votava-a ao desprezo. Quando se cruzavam, a Alexandra falava-lhe em tom grosseiro, era uma gritaria pegada».

A mesma amiga continua: «A relação entre elas era à base de gritaria, ou então a Alexandra desprezava a mãe. Chegou a trancá-la no quarto só para não falar com ela».

Nesta mesma edição, a TV 7 Dias falou ainda com Joana, proprietária de um salão de cabeleireiro, em Matosinhos, do qual mãe e filha eram clientes assíduas. A empresária confirma a má relação entre as duas e até que Alexandra e o padrasto, Rafael Fonseca, pensaram em internar Lurdes. «Por vezes, quando falava com o namorado [Lurdes], colocava o telemóvel em alta voz. Do outro lado ouvia-se ele a chamar-lhe ‘maluquinha’, dizia-lhe que não estava boa da cabeça. Uma vez, ouvi-o dizer que já tinha falado com a Xaninha e que tinham chegado à conclusão que era melhor interná-la».

«Ela já lhe espetou uma chave na cara»

Segundo a TV 7 Dias revelou também em 2012, na edição nº 1334, os episódios de violência não eram apenas entre Alexandra e a mãe. Fábio Machado, também ex-concorrente da Casa dos Segredos e que foi namorado de Alexandra, contou durante o reality show que tinha sido agredido durante a relação.

À revista, uma fonte próxima de Alexandra confirmou: «Um dia cheguei a ver o rapaz a saltar o muro com a cara esmurrada e sei que ela até já lhe espetou uma chave na cara».

Mais grave foi a situação vivida por outro ex de Alexandra. Durante cerca de oito meses, Cláudio Coelho teve uma relação com a concorrente, mas o sonho depressa se transformou em pesadelo. O jogador profissional de póquer – que mais tarde veio a ser concorrente da Casa dos Segredos e do Love on Top – conheceu-a na noite, em meados de 2010, e depressa começaram a trocar mensagens.

Em apenas dois meses avançaram para uma relação, «porque ela sabe enfeitiçar bem um homem», contou ele. Mas, se nos primeiros meses o namoro até correu bem, o mesmo não se pode dizer do que se seguiu. «A nossa relação era um conto de fadas até começarem os problemas, porque ela tem uma personalidade muito forte e gosta de ficar por cima. Chegou a bater-me algumas vezes», contou, relatando ainda que, numa viagem a Espanha, Alexandra lhe deu um estalo durante uma discussão num bar.

Na edição nº 1343, de dezembro de 2012, a TV 7 Dias falou com outro ex-namorado de Alexandra, Rui Cardoso. Os dois tinham namorado em 2010 e o jovem também revelou ter sido agredido pela ex-concorrente da Casa dos Segredos. «Quando acabei, ela disse-me que não ia ficar assim e foi quando levei uma chapada. Depois, andou alguns dias a enviar-me mensagens e a ameaçar-me».

 

Leia mais:
Mãe de Alexandra Ferreira da Casa dos Segredos acusa-a de violência doméstica
Alexandra Ferreira faz revelações polémicas sobre pai do filho: «Queria que eu abortasse»
Exclusivo! Ex de Katia Aveiro reage às acusações de Alexandra Ferreira

 

Texto: Patrícia Correia Branco; Fotos: Arquivo Impala e reprodução redes sociais

PUB
Top