“A minha morte não foi um acidente”: Em “A Serra” Mariana em choque com mensagem que lê

Muito em breve em “A Serra”, SIC, Mariana enfrenta os populares, depois de ver uma mensagem escrita no busto do avô. Estão todos chocados com o que leem.

02 Mai 2021 | 16:20
-A +A

As gravações da novela “A Serra”, SIC, estão a todo o gás e a nossa objetiva continua a captar os momentos mais intensos da trama. Desta vez, em destaque, esteve Carolina Carvalho, a Mariana da história.

No largo da aldeia, várias pessoas reúnem-se junto ao busto de José Augusto (José Eduardo). “Credo. Estou toda arrepiada. O que fizeram ao busto”, diz Sãozinha (Maria João Abreu).

Mariana repara na confusão e aproxima-se, pedindo que a deixem passar. Fica espantada quando vê na estátua do avô um cartaz com a frase. “A minha morte não foi um acidente.” Furiosa, arranca o cartaz e começa a rasgá-lo, dizendo que acabou o circo. Sãozinha tenta ganhar pontos e afirma: “Quem pôs isso aí devia ter vergonha! Nem deixam o homem descansar em pé.”

“A verdade vem sempre ao de cima, não é?”

Tozé (António Camelier), comprometido, afasta-se. Fátima (Júlia Palha) pergunta a Guida (Laura Dutra) o que dizia o cartaz e a amiga revela que escreveram que a morte de José Augusto não tinha sido um acidente. “Tirei foto e tudo”, diz.

Mariana continua furiosa e Fátima afirma: “A verdade vem sempre ao de cima, não é? Por mais que demore, por mais mentiras…” A rival acusa-a de ter sido ela a colocar o cartaz, mas a queijeira nega. Mariana vai-se embora e os populares continuam a comentar o que terá acontecido, se ele afinal não morreu num nevão na serra. “Agora nunca vamos saber… Que o velho não sobreviveu para contar a história…”, sublinha a padeira.

Texto: Neuza Silva (neuza.silva@impala.pt); Fotos: D.R.

PUB
Top