“A Serra”: Tomás recupera vídeo que incrimina Gustavo na morte de Artur

No episódio desta sexta-feira da novela “A Serra”, da SIC, Tomás recupera vídeo que incrimina Gustavo na morte de Artur e os dois gritam de alegria.

09 Abr 2021 | 15:10
-A +A

No episódio desta sexta-feira da novela “A Serra”, da SIC, Paula tem medo que a polícia descubra que está a mentir. Gustavo acalma-a só tem de dizer o que ele lhe disse. Gustavo pede desculpas a Ivone pois esqueceu-se do jantar. Ivone fica a achar que foi por causa de Paula.

Guida deita-se nua numa cama de quarto de hotel. Manuel entra à sua procura e Guida tapa-se até aos olhos. Ele diz que precisa que ela vá lá a casa lavar umas coisas, ameaça-a que vai contar a Fernando que anda a usar os quartos. Guida diz que sem dinheiro não lava nada. Nicolau chama a atenção de Guida por ter perdido o cartão. Mariana quer que Guida lhe leve gelo e uma pomada, Manuel intercede a favor de Guida e diz que ele mesmo leva.

Mariana conta a Lucinda que os Nunes têm uma filha que não é deles, que nunca adotaram e que o pai biológico só ficou a saber agora. Mariana tem mais para dizer mas só conta se parar de dizer falsidades sobre a família.

Carlota retoca a maquilhagem e sai. Tomás entra de seguida, consegue abrir o cofre e leva consigo o disco externo e as pens que lá estão. Gustavo procura o vídeo da morte de Artur. Tomás manda-o despachar-se porque Carlota já o pressionou para marcar o casamento e ele não quer. Gustavo agradece toda a ajuda do irmão.

Silvério conversa com Cristina porque ouviu Carlota a ameaçá-lo. Cristina diz que sabe que ele tomou anti depressivos, podia ter começado a tomar outras coisas mais tarde. Fátima entrega-lhe o portátil que ele usava para investigar.

Sãozinha tenta saber o que Elvira tem mas ela diz que não tem nada. Moisés vem com um calendário com a foto de Sãozinha, Elvira fica com ciúmes. Sãozinha espalha os gafanhotos de Aida e aspira-os.

Fátima procura alguma pista na gaveta do irmão, encontra os comprimidos mas estão intactos. Silvério sabia que o filho não era drogado e que nunca tomou nada.

Lena diz a Marta que marcou uma massagem e um circuito de spa, chama Nicolau para a levar. Ele estraga tudo por achar que Marta estava possuída. Ela não aguenta e sai a chorar.

Carminho já sabe quem lhe fornece a erva, Fausto fica assustado quando ela fala do restaurante mas depois percebe que está a falar de Hortense. Fausto ri-se, entra na brincadeira. Carminho está convencida que é ela.

Vitória vinha entregar o vestido a Mariana mas diz que pode voltar mais tarde. Fernando pergunta como está, diz que se afastou para a proteger. Vitória fica de lágrimas nos olhos, acabam por não resistir e beijam-se.

Tomás continua a procurar, estão fartos de procurar e não encontraram nada. Tomás finalmente encontra o vídeo, ao assistir, vê que Gustavo esforça-se para agarrar em Artur, arrastando-o. Percebe que Artur está morto.

Fátima quer tentar saber se o irmão tomava mesmo alguma medicação, Ivone diz que nenhum médico lhe vai dizer. Fátima lembra-se de ir à farmácia e pede a Ivone para ir com ela.

Gustavo está eufórico a pensar que está livre. Tomás é mais cauteloso, quer certificar-se que Carlota não tem mais cópias que possam incriminá-lo.

Ivone tenta saber se Gustavo anda com Paula. Nicolau duvida, diz que ninguém a aguenta. Nicolau fala de Marta, emita o ataque que ela teve e diz que parecia mesmo possuída. Ivone fala sobre a doença de Marta e diz que epilepsia é uma doença mais comum do que se pensa.

Aida tem o tupperware vazio, onde trazia os gafanhotos fritos. Moisés disfarça, diz que não sabe quem acabou com os gafanhotos. Aida acha que foi ele que deitou fora. Sãozinha pede desculpas e assume que foi ela que os deixou cair e pisou sem querer. Dá-lhe uma caixa de cartão com gafanhotos e louva a deus. Pergunta o que faz com eles e Ainda explica que seca e frita. Aida percebe que Moisés protegeu Sãozinha e aponta para o calendário com fotos dela, fica irritada. Ele diz que teve de fazer o calendário para ela porque Aida a tinha tirado do catálogo e criou-se mau ambiente.

Mariana conta que falou com a jornalista e contou toda a história de Leonor. Vitória acha que fez mal, Tomás não vai gostar nada disso. Vitória preocupada com as consequências da intransigência de Mariana ao dizer que se a família Nunes quiser podem fugir da vila com Leonor, que seria um favor que fariam.

Tomás acha que o melhor que têm a fazer é forçar Carlota a agir e segui-la para saber se há mais provas. Tomás diz que vai jantar com Mariana e Vitória, ele pode revistar novamente no gabinete dela no hotel que ele controla enquanto jantam no restaurante do hotel. Gustavo vasculha tudo à procura das imagens mas não encontra nada.

 

Recorde aqui o que aconteceu no episódio anterior de “A Serra”.

 

Texto e fotos: SIC

PUB
Top