Afinal não é culpa das ovelhas: O real motivo que levou Cristiano Ronaldo a mudar de casa

Cristiano Ronaldo mudou de casa, em Manchester. A imprensa inglesa avançou que a culpa teria sido devido ao barulho das ovelhas, mas afinal não

24 Set 2021 | 20:15
-A +A

Cristiano Ronaldo voltou a jogar pelo Manchester e mudou-se de malas e bagagens com Georgina Rodríguez e os quatro filhos – Cristiano Jr., os gêmeos Eva e Mateo e Alana Martina – para a Inglaterra, no dia 2 de setembro.

O craque português escolheu uma casa no campo para viver esta nova fase, porém, permaneceu na habitação de luxo por pouco tempo. A imprensa inglesa avançou que a culpa teria sido devido ao barulho das ovelhas que pastavam nas imediações do lar, contudo, a ESPN britânica noticiou outro motivo.

Segundo algumas fontes próximas do canal, Cristiano Ronaldo trocou de casa por falta de privacidade. O amplo jardim poderia vir a provocar situações desagradáveis e visitas indesejáveis num futuro próximo.

Deste modo, em prol da total intimidade da família, Cristiano Ronaldo prefere viver em outra moradia que garanta maior segurança ao jogador, à namorada e aos filhos.

Recorde aqui as imagens da anterior casa de luxo de Cristiano Ronaldo. 

 

Dolores Aveiro conta tudo: Cristiano Ronaldo fez asneira e quis abandonar o futebol

A mãe de Cristiano Ronaldo, Dolores Aveiro, esteve à conversa com Guilherme Geirinhas, no podcast “ADN de Leão”, e recordou os primeiros passos da carreira do filho e a altura em que o futebolista esteve nos juvenis do Sporting Clube de Portugal, em Lisboa. O craque foi convocado para ir jogar à Madeira, mas acabou por não ir à partida. E tudo por causa do furto de um iogurte.

“Ele fez uma asneira e acabou por não ir”, disse a matriarca da família Aveiro. Guilherme Geirinhas questionou Dolores Aveiro sobre o que tinha acontecido. “Acho que ele tinha roubado um iogurte a um colega”, acrescentou a progenitora de Cristiano Ronaldo.

A pequena “asneira” afetou o jogador e quase o fez “abandonar o futebol”. “Ele chorou e queria abandonar o futebol. Eu disse: ‘Filho, se também fizesses alguma asneira com a mãe, eu castigar-te-ia na mesma. Eles fizeram bem.’ Ele compreendeu”, confessou a madeirense, durante a conversa.

Leia mais aqui.

 

Texto: Carolina Sousa; Fotos: Redes Sociais

 

PUB