Agir apaga vídeo após polémica com herdeiros de António Variações

Agir quis prestar homenagem a António Variações cantando as suas músicas, mas os herdeiros do icónico músico pediram para que o vídeo fosse retirado do YouTube, onde o jovem o tinha partilhado.

24 Jul 2021 | 22:30
-A +A

Agir estreou recentemente o projeto Eulália, no qual presta homenagem a artistas portugueses icónicos, feitas em vídeo e partilhadas no YouTube. O mais recente visava António Variações, mas teve de ser retirado daquela plataforma.

No episódio em causa, Agir interpretava temas de sucesso de António Variações, que morreu em junho de 1984, aos 39 anos.

“A pedido dos herdeiros da obra de António Variações, na representação da sua agência de publishing, Rossio Music Publishing, iremos apagar o episódio 5 da série ‘Eulália’. Uma série musical que visa homenagear artistas e autores que consideramos de maior relevância para a música e para a cultura portuguesa”, comunica Agir na sua página oficial de Facebook.

“Nunca foi nossa intenção desrespeitar a memória e o legado de António Variações, mas sim enaltecê-lo e dá-lo a conhecer às gerações mais novas. É então, com profunda tristeza, que anunciamos a remoção de imediato do vídeo em questão. Em nome da banda e de toda a equipa, peço desculpa por qualquer transtorno e constrangimento causado”, termina.

Texto: Ana Filipe Silveira; Fotos: Reprodução Instagram

Veja também:
“Péssimo aspeto. Pessoa perturbada”: Agir é alvo de sérios julgamentos e contra-ataca
Agressões a repórter de imagem: TVI emite comunicado e garante que vai agir judicialmente

PUB