Agressões no Agricultor! Saiba tudo o que a SIC não mostrou sobre as cenas de violência

A relação entre Cátia e Vera intensificou-se ao ponto de as duas se enfrentarem. A TV 7 Dias conta tudo sobre este episódio menos positivo do programa da SIC, que chegou ao fim.

25 Ago 2019 | 21:50
-A +A

Miguel Pereira, de 26 anos, deixou os EUA à espera de encontrar o amor na pacata aldeia de Padrela. Contudo, ao contrário disso, a agitação acompanhou-o na forma de duas concorrentes: Vera Barbosa e Cátia Lopes, cuja relação não facilitou a vida ao emigrante. E tudo começou com um simples vestido.

Na escolha do guarda-roupa para a apresentação aos agricultores, Vera, a primeira a chegar ao cenário, escolheu um vestido verde. Só que Cátia queria a mesma peça de vestuário e ficou ofendida por não o ter levado. Esta história do vestido abriu uma disputa entre as duas de forma grave.

Já na Quinta, na atividade de pintar os castanheiros, que passou na televisão a 21 de junho, entre tintas e pincéis, terra e castanheiros, Miguel, Vera e Cátia estavam todos no mesmo local. Contudo, o que era para ser uma brincadeira ganhou outras proporções, tendo a história acabado mal entre as duas candidatas, com Cátia a atirar tinta para cima de Vera, que retribuiu na mesma moeda. Em resposta, Cátia pegou na ofensa e tornou-a física.

 

«Agarrou-a por trás, pelo pescoço»

 

«Ela [N.R.: Vera] sentiu-se agredida pela Cátia», explica-nos uma fonte próxima da concorrente. «A atitude da Cátia foi mandar tudo para o chão e agarrá-la. Tentou agarrar a cabeça da Vera. Ainda conseguiu fugir, mas depois agarrou-a por trás, pelo pescoço. Aliás, nas imagens vê-se… ela com os pés no ar», prossegue.

Segundo a fonte, a agressão que se seguiu às imagens não foi transmitida pela SIC, mas as mazelas deixaram marcas. «Quando chegaram a casa, ela reparou que tinha no braço um nódulo, até fundo, uma perfuração um bocado feia e pisada à volta no braço», conta. A concorrente de Rio Tinto, de 30 anos, «passou a noite toda a chorar nesse dia. Ela sentiu-se rebaixada e humilhada», acusa a mesma fonte.

Depois deste episódio, a relação das duas piorou. Vera começou a evitar o contacto com a Cátia, o que a prejudicou. «Não estar com a Cátia implicaria muitas vezes não estar com o Miguel. Ela evitava falar mais de si, porque não se sentia à vontade de falar à frente da Cátia», lembra.

 

«Sem olhar a meios nem a princípios»

 

A cumplicidade entre Miguel e Cátia começou cedo. «Na altura, dois ou três dias depois do programa começar, soube-se que a Cátia e o Miguel já eram amigos no Facebook. Portanto, para mim, como não há coincidências…», acusa. A partir daí, o agricultor passou a ser só «um amigo» para a professora de Expressão Dramática.

Já com a jovem de 23 anos as atenções de Miguel foram cada vez mais evidentes. «Ela fez tudo para que isso
acontecesse, sem olhar a meios nem a princípios nem a valores. A tática dela foi basicamente criar intrigas entre a Vera e o Miguel», adianta a mesma pessoa à TV 7 Dias.

Vera Barbosa preferiu deixar passar as agressões impunes, até porque, conforme a fonte confidencia, «ela sentiu que não deveria falar, porque também não queria ser a culpada de a Cátia ser expulsa. Ela não queria ter esse peso, nem queria ser vista como uma vítima».

Perante estes conflitos, Vera viu, ainda assim, a sua atitude no programa ser apoiada pelo público. «Ela recebe imensas  mensagens de carinho, a dizer que admiram a sua resiliência, o facto de nunca ter respondido às provocações dela [N.R.: Cátia]», conclui a fonte.

 

Não ficou por aí…

 

Agressão à parte, os confrontos não ficaram por aí e existiram outras atitudes da concorrente Cátia vistas «com maldade», relata-nos a mesma fonte. Se, por um lado, ela respondia mal às companheiras desta experiência rural, por outro provocava-as constantemente… «Não foi física, mas houve um momento em que a Priscila estava a lavar o chão e a Cátia chegou lá com um pedaço de bolo cheio de chantili, no prato, mandou-o para o chão e disse: ‘Agora limpa, garota’.»

Paralelamente, a mesma convidada de Miguel, dona de uma personalidade intensa, escolhia ignorar e não responder às colegas: «Eu sei que houve uma ou duas vezes em que a Priscila falou com ela dentro de casa e ela virava-lhe a cara, isso quando o Miguel não estava a ver», remata.

 

VEJA TAMBÉM:
Dave assume paixão por ex-concorrente de Quem Quer Namorar com o Agricultor
Adeus, Soraia! Agricultor António Hipólito já tem outra…
Agricultor Chico das Aventuras traiu Cenourinha!

 

Texto: Carolina Sousa | Fotografias: Divulgação e Reprodução SIC e redes sociais

 

(artigo originalmente publicado na edição nº 1692 da TV 7 Dias)

PUB
Top