Estrela brasileira diagnosticada com cancro pela quinta vez. «Não é passível de cirurgia»

Ana Maria Braga anunciou, esta segunda-feira, que está a lutar contra um cancro do pulmão «agressivo e não passível de cirurgia ou de radioterapia», ao contrário dos dois que venceu no passado.

27 Jan 2020 | 15:00
-A +A

Foi o fim de uma emissão emocionante. Ana Maria Braga, de 70 anos, terminou o programa Mais Você desta segunda-feira, 27 de janeiro, a anunciar que foi diagnosticada, pela terceira vez, com um cancro do pulmão. Ao contrário dos outros «dois pequenos cancros», um vencido com uma operação e outro com radiocirurgia, este «é mais agressivo e não é passível de cirurgia ou de radioterapia».

O adenocarcinoma, como é cientificamente denominado, foi diagnosticado no início do presente ano. «Já no dia 24 de janeiro, no dia do casamento da minha filha, recebi o primeiro ciclo de tratamento, uma combinação de quimioterapia com imunoterapia», informou a conhecida apresentadora da Globo, com uma longa carreira na televisão brasileira.

Os tratamentos repetem-se de 21 em 21 dias. O próximo passo deste ciclo é dado a 14 de fevereiro. «Não sabia, na verdade, se ia conseguir chegar aqui hoje», assumiu Ana Maria Braga. Ainda assim, mantém-se otimista: «Não tenho dúvida nenhuma de que vou ganhar.»

 

 

Tal como recorda o portal de notícias brasileiro G1, pertencente ao grupo da Globo, esta é a quinta luta da apresentadora contra um cancro. Além dos três tumores malignos já referidos, Ana Maria Braga venceu um cancro de pele, em 1991, e um cancro do reto, em 2001.

 

VEJA TAMBÉM:
José Condessa: Os pormenores da nova vida no Brasil!
Moniz é o novo «dono disto tudo» de canal brasileiro e causa pavor a executivos
Pedro Carvalho é um dos 10 atores que mais brilharam no Brasil em 2019

 

Texto: Dúlio Silva; Fotografias: reprodução redes sociais

PUB
Top