Anabela e Lucas abandonam Casados: «não tenho pena que tenha terminado»

Anabela e Lucas são o segundo casal a pôr um ponto final no casamento e abandonar o programa da SIC.

25 Nov 2019 | 0:37
-A +A

Anabela e Lucas colocaram fim ao casamento, na quinta cerimónia de compromisso, este domingo, 24 de novembro. A relação entre o casal sempre sofreu altos e baixos sendo as dicussões, os frequentes ataques e o mau ambiente uma constante.

A má comunicação e os choques de personalidade entre Anabela e Lucas ditaram o fim. No entanto, até na hora de decidir o futuro da relação o casal esteve em desacordo. A empregada de mesa escolheu “Ficar” e dar mais uma oportunidade à relação, enquanto Lucas escreveu “Sair”.

«Eu a única coisa que posso dizer ao Lucas é que ainda não desisti, ainda estou aqui. Estou aqui, mais uma vez, a dizer que estou aqui», referiu Anabela. Perante isto, Lucas manteve a sua decisão de sair.

O barbeiro sempre afirmou que Anabela estaria a brincar com os sentimentos deste e que afirmou sempre que ele «não era prioridade na vida dela». Para a jovem, a mãe e o curso de cabeleireira eram as prioridades na sua vida, o que não agradou a Lucas.

Desde o início que o barbeiro se mostrou mais disponivel para que a relação crescesse do que Anabela. Pelo menos era essa a sua ideia e o que afirmava. No entanto, sentiu sempre que a mulher não estava disposta a dar uma oportunidade à relação e a pouca intimidade que criaram na lua-de-mel – como os beijos que trocaram – deixou de existir.

Já para Anabela, «o mau feitio e as faltas de educação» que Lucas tinha para consigo pesaram bastante na postura que adotou com o marido ao longo do tempo. A empregada de mesa não conseguia aceitar «o quero, posso e mando» de Lucas. «Ninguém manda em mim. Nunca mais ninguém manda em mim», chegou a afirmar Anabela.

Anabela aproveitou o momento em que estava frente-a-frente com os especialistas para fazer uma confissão. No jantar antes da gala, a mulher de Lucas sentiu-se «escrutinada» e, embora não dissesse por quem, os concorrentes sabiam que se referia a Tatiana. A mulher de Bruno não conteve a sua opinião no momento de dizer a Anabela que esta não estava preparada para uma relação, algo que caiu mal à mulher de Lucas.

Para o barbeiro, colocar termo ao casamento «foi a melhor decisão» que tomou. Anabela afirma que não tem pena que tenha terminado o que a mantinha ligada a Lucas, no entanto o facto de abandonar a experiência e não aprender mais com os especialistas é algo que a deixa triste.

 

«O Bruno, às vezes, está ali a tocar nos limites»

A relação entre Tatiana e Bruno tem corrido bem. Apesar das constantes investidas do nortenho, a enfermeira tem tido calma e levado o barco a bom porto. No entanto, para Tatiana as tentativas de aproximação e os pedidos de beijos começam a fazê-la sentir-se incomodada e «pressionada».

«Eu acho que o Bruno, às vezes, está ali a tocar nos limites, a ultrapassar um bocadinho os limites dai eu ficar um bocadinho saturada», afirmou a enfermeira.

Nisto o especialista Fernando Mesquita interrompeu a jovem questionando-a: «mas como é que o Bruno sabe ate onde é que pode ir?». Tatiana respondeu que diz ao marido até onde este pode ir e, virando-se para ele afirmou: «Por exemplo, quando tu brincas em relação ao beijos. Oh Bruno, eu nao sinto. Eu não te vou dar um beijo na boca se eu nao sinto.»

Bruno diz sentir-se apaixonado mas que precisa de apostar primeiro na construção de uma amizade, deixando um bocadinho de lado os sentimentos. «Eu sinto-me apaixonado mas tenho que deixar esta paixão de lado e construir uma amizade forte e o resto vem por acréscimo», confidenciou.

Já para Tatiana, é urgente que Bruno entenda que esta precisa do seu tempo e espaço para deixar que a relação evolua. Caso esse respeito não exista, a enfermeira afirma que se cansará. «Se continuar neste ciclo eu começo a ficar cansada», referiu.

 

«Detesto que me levantem a voz»

Marta e Luís já viram a relação ter melhores dias. Parece não estar fácil para o casal encontrar a sintonia. «Ele vê as coisas à maneira dele e quando eu digo que tenho uma opinião diferente ele fica ofendido», referiu a jornalista.

Para a jovem, o facto de sentir que já não pode ser direta e sincera como incialmente foi, por se sentir condicionada a fazê-lo, está a incomodá-la. Mas não só. O facto de o marido lhe levantar a voz quando falam de assuntos mais sérios ou em discussões faz com que Marta fique na defensiva.

«O Luís respeita-me inteiramente como mulher, não toca num fio do meu cabelo. Mas eu detesto que me levantem a voz, é uma coisa que me deixa muito na defensiva. Já pedi mais do que uma vez», esclareceu perante os especialistas.

Perante isto, Luís afirmou que está «a precisar de mudanças», e que a relação tem mesmo que dar uma volta para que ambos sejam felizes. Já Marta, tem receio que tenham chegado «a um ponto de não retorno», uma vez que não acredita que certas atitudes do marido mudem.

 

Dave acha Luís «um homem cheio de sorte»

No jantar, em que surgiram os convidados surpresa, Graça e Dave, os conselhos foram mais do que muitos. A nortenha afirmou que «são todos muito bonitos e simpáticos» mas que o ambiente, em maior parte dos casais, estava morno. E «morno nem o diabo quer».

Graça afirmou que é importante uma boa comunicação para que um casamento resulte, dizendo: «Nós devemos casar com quem gostamos de conversar».

Nisto, e analisando o comportamento individual e de casal dos concorrente, Graça comentava com Dave que Marta seria o match perfeito para este. A jornalista acabou por meter conversa com o surfista, perante o olhar atento de Luís, dizendo que têm alguns amigos em comum. Marta mostrou-se sempre sorridente e aproveitou para dizer a Dave que já o tinha visto na praia, uma vez que passa lá muito tempo.

Dave acabou por concluir que Marta seria um bom partido para si, uma vez que é «morena e gosta de praia», achando por isso «Luís um homem cheio de sorte».

Texto: Marisa Simões; Fotos: Divulgação SIC

PUB
Top