A entrevista que todos esperam! António Costa vai esta segunda-feira à SIC

António Costa vai estar esta segunda-feira, dia 16 de março, no Jornal da Noite para ser entrevistado por Rodrigo Guedes de Carvalho.

15 Mar 2020 | 15:50
-A +A

Com Portugal está a atravessar a pandemia de Covid-19, o primeiro-ministro vai dar uma aguardada entrevista na televisão. António Costa vai estar esta segunda-feira, dia 16 de março, no Jornal da Noite, da SIC, para ser entrevistado por Rodrigo Guedes de Carvalho.

A novidade foi adiantada pelo próprio pivot da SIC através das redes sociais. O jornalista revelou, ainda, que a partir de amanhã a SIC entra em período de contigencia e que, por isso, metade da redação fica em casa, enquanto a outra vai trabalhar. «Amanhã o Jornal da Noite é importante porque vai ter a presença do primeiro ministro António Costa», refere num vídeo publicado no Instagram.

O último balanço da DGS confirma que são agora 245 os casos confirmados de Covid-19 em Portugal, mais 76 em 24 horas. 9 estão nos cuidados intensivos. 106 casos não são graves e estão a ser tratados em casa

Segundo a DGS, 281 pessoas aguardam os resultados dos exames. Lisboa e Vale do Tejo foi a região do país onde mais pessoas foram confirmadas com infeção e passa a ser agora a a zona do país com mais casos.

Apela à união dos portugueses e é elogiado!

 

O vídeo do final do Jornal da Noite da SIC desta quarta-feira, dia 11 de março, tornou-se viral graças ao alerta deixado por Rodrigo Guedes de Carvalho. O pivô pediu ponderação e respeito aos portugueses por causa do coronavírus e a Internet ficou rendida ao seu discurso acertivo. O jornalista da SIC terminou o noticiário com um emocionante pedido aos portugueses que entendam que «não sabemos a dimensão do perigo que nos espreita» e que, por isso, é preciso ter «uma atenção suplementar» e seguir as recomendações das autoridades.

«No dia em que foi oficialmente declarado a pandemia permita-me recordar que nesta fase estamos todos no mesmo barco. Não sabemos para onde vai, qual a dimensão do perigo que espreita. Em Portugal e até novas ordens podemos fazer a nossa vida, os nossos compromissos, as nossas compras sem açambarcar, mas com uma atenção suplementar: reduzirmos os nossos contactos físicos ao estritamente necessário, evitar aglomerações sempre que possível, manter uma higiene vigilante, respeitar o espaço dos outros», pediu.

«É bom que os portugueses percebam que esta não é daquelas que se resolvem a pensar que ‘isso só acontece aos outros’», terminou. Veja o vídeo aqui.

Texto: Inês Borges/ Fotos: Arquivo Impala e DR
Veja também:
Covid-19: Afinal, de quanto em quanto tempo temos de desinfetar as mãos?
Covid-19: Ex-jogador do Benfica infetado com coronavírus

PUB
Top