Após ataque de Jack, Pedro salva Carolina em “Sangue Oculto”

As emoções estão ao rubro na novela “Sangue Oculto”. Após um assalto ao parque de campismo, Pedro entra com Carolina inanimada nos braços, revelando que o ex-namorado a tentou violar.

21 Nov 2022 | 9:00
-A +A

Mais para a frente na história de “Sangue Oculto“, Jack (Diogo Branco) droga Carolina (Sara Matos) e tenta abusar dela, mas Pedro (Cristovão Campos) impede que o pior aconteça.

Entretanto, Fábio (Rui Unas) com Patrícia (Mariana Pacheco) e o mais alguns mafiosos preparam o assalto ao parque de campismo. Avançam de armas em punho, deixando os moradores em pânico. Depois dos assaltantes terem ido embora, Pedro entra com Carolina nos braços, deixando Maria (Júlia Palha) e os amigos aflitos.

Enquanto isto, Teresa (Sofia Alves) começa a ficar aflita de não conseguir falar com Carolina e comenta com o pai que não sabe nada dela desde a noite anterior. De seguida, vai ter com Tiago (João Catarré) e conta-lhe: “A Carolina foi ter com o Jack e desapareceu! Ela nunca fez isto. Se se demorar por algum motivo, telefona sempre a avisar.” Determinado, o dono do bar afirma: “Eu vou apertar com o Jack, ele tem de saber de alguma coisa!”

Nesse momento, Pedro entra e revela: “Guarda a capa, super-herói. A Carolina está em minha casa.” Teresa fica aliviada e pergunta o que aconteceu. Tiago questiona se eles passaram a noite juntos e Pedro diz que é melhor ser ela a contar o que aconteceu.

Ainda em “Sangue Oculto”

Momentos depois, Teresa abraça a filha e esta revela: “Ainda estou confusa, mas o Pedro evitouo pior” Tiago interrompe-a e questiona: “Porque é que o avisaste que ias ter com o Jack e não me disseste nada?” Pedro disfarça a tensão e sublinha: “Podes sossegar. Ela não me avisou, eu

ouvi-a ao telefone com o Jack. Foi instinto, sintonia, proteção, sei lá. Eu senti que precisavas de mim.” Começam os dois a discutir e a enfermeira agradece ao amigo, frisando: “Costumo saber proteger-me, mas desta vez, o Jack jogou muito sujo.”

Tiago oferece-se para a levar a casa, mas Teresa pede que vão primeiro ao hospital. Carolina concorda e assume: “Fico mais descansada, se for observada.”

Texto: Neuza Silva (Neuza.silva@impala.pt); Fotos: Divulgação SIC

PUB