“Aprendi que a adição é uma doença”: Jessica Athayde fala sobre relação com Diogo Amaral

A atriz foi convidada do programa da antena 3 “Voz de Cama”, onde fez revelações íntimas sem receios. Saiba tudo!

03 Nov 2022 | 21:00
-A +A

Jessica Athayde foi a convidada de Tânia Graça e de Ana Markl do programa “Voz de Cama”, da Antena 3. A atriz falou abertamente sobre a gravidez, o pós-parto e o relacionamento com Diogo Amaral.

Neste programa, Jessica Athayde confessou que não gostou nada da gravidez, tendo esta fase levado a atriz a uma depressão. “A certa altura, estava a fazer terapia duas vezes por semana. Tem que se falar da depressão durante a gravidez“, disse a artista.

A fase depressiva influenciou também a sexualidade do casal. “Passado um mês e meio, a doutora disse a mim e ao Diogo ‘agora podem começar’. Lembro-me de pensar ‘eu não acredito que ela está a dizer isto'”. “Demorei bastante tempo, só há muito pouco tempo, e com muito apoio e trabalho, é que voltei a conseguir dar importância e a perceber a necessidade de ser sexualmente ativa com o Diogo“, revelou.

A atriz recordou o momento em que esteve separada de Diogo Amaral, durante quase dois anos. “Eu sentia-me mãe, só“, esclareceu, acrescentando que Diogo Amaral chegou a vê-la num “estado lastimável”. Além disso, a adição do Diogo não ajudou a que se mantivessem unidos nesta fase tão difícil.

“O Diogo tem uma doença e eu também tive que aprender que a adição é uma doença. A minha separação do Diogo foi muito para ele se tratar, para ele se centrar, eu perceber que [a adição] é uma doença para a vida que necessita de tratamento e ajudei-o também”, afirmou Jessica Athayde.

Para finalizar, a artista garantiu que “Quando perdes a admiração por outra pessoa, é difícil voltares a apaixonar-te, mas é possível. Porque eu já estive desapaixonada do Diogo e agora já sou apaixonada por ele outra vez. É um Diogo de quem eu gosto muito mais do que gostava antes e de quem tenho um enorme orgulho“.

Leia ainda: “Estou tão contente com o resultado”: Jessica Athayde faz tatuagens dedicadas ao filho

Texto: Luís Duarte Sousa; Fotos: Arquivo Impala

PUB