Ator BRUTALMENTE AGREDIDO é agora ACUSADO de ter encenado ataque

A investigação ao ataque de que a estrela da série Empire terá sido vítima tomou um novo rumo, com os suspeitos a afirmarem ter sido pagos pelo ator para encenar o espancamento.

19 Fev 2019 | 17:40
-A +A

Jussie Smollett, o ator que interpreta a personagem Jamal Lyon na série Empire, da Fox, revelou ter sido alvo de um ataque homofóbico em plena rua, no dia 29 de janeiro. A polícia deteve dois suspeitos, que, dois dias depois, acabaram por ser libertados.

O caso ganha agora novos contornos, já que Jussie é acusado de ter encenado o crime para chamar à atenção. Ainda sem certezas, a polícia irá interrogá-lo novamente.

Segundo a tese do ator, este terá saído do seu apartamento ainda de madrugada para comer qualquer coisa quando foi abordado por dois homens, que o atacaram com murros e palavras de ódio. Jussie diz que se lembra de ouvir, durante o ataque, «Make America Great Again», um lema da campanha do atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

O artista revela pormenores do ataque e diz que o atingiram com uma substância química na face e prenderam o seu pescoço com uma corda. Quando Jussie chegou a casa, terá contactado o agente, que acabou por apresentar queixa na polícia. O ator apresentava golpes na cara e ainda tinha uma corda ao pescoço, que, segundo o mesmo, não a tirou para que as autoridades vissem o estado em que ficara depois do ataque.

A primeira dificuldade com que os polícias se depararam foi a falta de provas. Nenhum dos elementos evocados pelo ator provam que tivesse havido, de facto, um ataque. As imagens recolhidas das câmaras de videovigilância revelam a presença de dois homens, tidos como «pessoas de interesse» para a investigação. No entanto, não mostram qualquer ataque. Também existem imagens do ator a regressar a casa com a corda ao pescoço, mas também não tinham registado o ataque.

 

Suspeitos dizem ter sido pagos para encenar ataque

 

Os dois homens são irmãos e já foram identificados. Olabinjo e Abimbola Osundairo conhecem Jussie porque trabalharam com o ator na série Empire. Um deles terá sido, inclusive, personal trainer do artista.

Segundo a CNN, os dois suspeitos afirmam ter sido pagos pelo ator para encenar o espancamento. Jussie terá decidido criar esta encenação depois de uma carta ameaçadora que recebeu não ter a atenção que desejava.

Segundo a ABC News, o artista recebeu, no dia 22 de janeiro, uma carta nos estúdios da Fox, em Chicago, escrita com uma linguagem ameaçadora e que continha uma substância em pó.

Olabinjo e Abimbola Osundairo estão a colaborar com as autoridades, uma vez que existem provas de que terão sido eles a comprar a corda utilizada para atacar Jussie.

 

Investigação toma novo rumo

 

Jussie Smollett já se manifestou publicamente relativamente aos boatos que surgiram de que teria encenado o ataque: «Tenho muitas coisas no coração que gostava de dizer, mas por enquanto fico-me apenas por agradecer a todos pelo apoio e dizer que estou bem!»

 

Texto: Redação WIN – Conteúdos Digitais | Fotografias: Reuters e reprodução redes sociais

PUB
Top