«O que é feito do dinheiro?» Bebé Matilde volta ao Você na TV! e mãe responde à questão

A bebé Matilde e a mãe desta, Carla, foram as figuras centrais da última emissão do ano do programa da TVI Você na TV!. A menina continua a ser alimentada por sonda, mas os progressos são notórios.

31 Dez 2019 | 13:10
-A +A

Estávamos no verão quando Portugal conhecia o caso da bebé Matilde, hoje com oito meses, que sofre de uma doença rara, Atrofia Muscular Espinhal tipo 1, e que precisava de um medicamento vindo dos Estados Unidos para sobreviver. No entanto, para o obter, eram precisos cerca de dois milhões de euros.

Manuel Luís Goucha e Maria Cerqueira Gomes receberam, na altura, a menina e os pais no programa da TVI Você na TV!. Perante esta exposição, instalou-se uma verdadeira onda de solidariedade no nosso País. A bebé tomou, entretanto, o medicamento, dada a ajuda de todos os portugueses que abraçaram esta causa e que doaram o dinheiro pretendido. Os resultados estão à vista de todos.

Para fechar o ano com uma chave de esperança, o apresentador voltou a receber Matilde e a mãe da bebé, Carla, naquela que é a última emissão do ano do matutino da estação de Queluz de Baixo de 2019. «Esta Carla não tem nada a ver com a que esteve aqui há uns meses», começou por dizer o apresentador.

Sobre os progressos, a progenitora da bebé Matilde revelou: «Ela não mexia os pés nem a cabeça. Já se senta assim, como está agora. Continua a ser alimentada por sonda, mas já começou a terapia da fala, para também começar a comer por ela. Tem fisioterapia três vezes por semana. Notamos que ela fica frustrada quando não consegue fazer alguma coisa. Os médicos estão muito expectantes!»

 

«Não sei como conseguimos gerir tudo»

 

Lamentando o facto de a bebé «ter passado por muito» em tão pouco tempo de vida, Manuel Luís Goucha conversou com a mãe de Matilde sobre a hidrocefalia, entretanto «resolvida», que foi detetada à menina.

«Ela tem uma válvula que drena até ao estômago o líquido cefálico, porque ela tem um quisto congénito, que estava a bloquear a circulação do líquido», esclareceu Carla.

O anfitrião do Você na TV! quis saber como é que o jovem casal tem gerido a situação, até porque, como frisou, «nem saiu de uma e já se está a ‘meter’ noutra». «Vou ser sincera: não sei como conseguimos gerir tudo. Se não fossem os outros dois filhos que temos (de 11 anos e de dois), a nossa família, o apoio dos amigos… É tudo muito complicado. A força que outras pessoas também nos deram… Isso tudo ajuda!», respondeu.

Em relação ao casal, Carla afirmou: «Estamos bem. É difícil falarmos dos dois. É muito difícil. Mas o facto de nos apoiarmos um ao outro é crucial para conseguirmos ultrapassar cada dia que passa!»

 

«O que é feito do dinheiro?», questionou Goucha

 

A quantia dos dois milhões de euros foi angariada em menos de 15 dias. «Nunca achámos que fosse possível. Vamos ser eternamente agradecidos. Obrigado!», agradeceu, emocionada, a mãe da pequena Matilde.

Recorde-se que o SNS ofereceu, entretanto, o medicamento de Matilde e de outra bebé que padece da mesma doença, Natália, que, segundo Carla, também tem tido resultados positivos.

Os pais da menina receberam mensagens menos positivas nas redes sociais. «Estávamos preparados para tudo, menos para algumas mensagens que recebemos», atirou a jovem. «Orgulho-me de todos os portugueses que ajudaram. Os que não quiseram ajudar estão no seu direito. Mas tenho vergonha daqueles que não ajudaram e ainda criticam», atirou  Manuel Luís Goucha.

Para colocar um ponto final na polémica, o apresentador perguntou: «O que é feito do dinheiro?». «Temos ajudado outros bebés que sofrem de outras doenças raras. O dinheiro também tem sido usado nos tratamentos da Matilde. Mas queremos criar uma fundação. Acreditamos que a Matilde nasceu com uma missão», sublinhou Carla.

 

Texto: Ivan Silva; Fotografias: reprodução redes sociais

PUB
Top