Big Brother 2020: recorde os momentos mais marcantes da casa

Houve de tudo ao longo de três meses: amor, drama, polémicas, muitas discussões e até uma expulsão. A TV 7 Dias recorda-lhe os episódios mais fortes do reality show.

04 Ago 2020 | 9:00
-A +A

Há quem diga que um reality show sem discussões nem tensão não é um reality show. E na última edição do Big Brother, que regressou à televisão portuguesa 20 anos depois de se estrear na TVI, não faltaram momentos fortes e tensos, que se tornaram marcantes e inesquecíveis.

Também se respirou muito amor, com a formação de quatro casais, e muita diversão, graças a Sandrina, principalmente, mas foram as guerras e os confrontos entre os concorrentes que mais deram que falar.

A TV 7 Dias recorda-lhe agora os cinco momentos mais fortes dos três meses da casa mais famosas do País:

Expulsão de Pedro Soa

Pedro Soa protagonizou um dos momentos mais fortes do BB 2020. Foi o único concorrente expulso, o único que, segundo a produção, desrespeitou as regras do jogo, merecendo saída imediata.

Foi a 26 de maio que Soa se irritou e perdeu a cabeça. Nessa semana, o concorrente era o líder e assumiu-se cansado e farto de «não ser respeitado» pelos colegas, o que o levou a exaltar-se. Nessa manhã, não faltaram gritos e palavrões. Teresa não ficou calada e foi o alvo principal do concorrente. E tudo por causa das lides domésticas, da desarrumação dentro da casa e de… um iogurte.

«Sinto-me idiota no meio disto tudo», afirmou Pedro Soá. «Tem de haver bom senso e tolerância. Arrumemos as coisas todas», disse. A mãe de Tierry Vilson respondeu: «Não sou criada de ninguém.»

Nesse momento gerou-se uma forte discussão entre ambos e Pedro perdeu a compostura. «Eu é que mando aqui! Eu mando!», disse-lhe aos gritos. Os restantes concorrentes agarraram Pedro Soa de imediato e afastaram-no da concorrente. Para a maioria, o líder da semana «perdeu a razão» com «argumentos que não são válidos».

Nesse dia, apesar do pedido de desculpas a Teresa, Pedro Soá foi expulso pelo Big Brother. Mas antes, a concorrente confessou-lhe, em lágrimas, que chegou a ter medo dele.

Tensão entre Sónia e Noélia

Sónia Jesus também protagonizou uma das discussões mais violentas desta edição do reality show. Houve até quem a comparasse a Pedro Soá. Foi na tarde de 23 de junho que a feirante perdeu a cabeça com Noélia, o que levou à sua saída da casa voluntariamente.

Sónia acusou a algarvia de provocação ao falar nas filhas a meio de uma grande discussão e de ser «desagradável». A algarvia defendeu-se, dizendo que não o fez por mal e que Sónia estava a interpretar mal as suas palavras. «Não tornas a criticar eu ter filhas e estar aqui. Não te dou direito de falares nisso», atirou a vendedora ambulante aos gritos. «Eu não fiz isso, não critiquei nada. Não me podes acusar de uma coisa que eu fiz. Respondi-te que eu, EU, talvez não viesse para aqui», respondeu Noélia.

A discussão acesa durou vários minutos, mas no final, depois de se acalmar no jardim, Sónia reconheceu a sua atitude e decidiu pedir desculpa aos colegas que assistiram à cena.

O comportamento de Sónia não levou à expulsão, mas mereceu-lhe uma repreensão do BB, o que revoltou muitos telespectadores que pediram a sua saída imediata.

As «atitudes homofóbicas» de Hélder

Hélder Teixeira viu-se no centro de uma das maiores polémicas do Big Brother 2020 ao fazer um comentário homofóbico a Edmar, apenas 72 horas depois de terem entrado na casa. Foi um momento inédito na história dos reality shows em Portugal e, por isso mesmo, foi sancionado após ter feito várias afirmações e ter tido «atitudes sexistas e homofóbicas».

O atleta do Porto, de 39 anos, foi automaticamente nomeado, mas os portugueses decidiram mantê-lo na casa mais famosa do País. Os amigos e familiares do concorrente, principalmente a mãe, ficaram «chocados» com a forma «exagerada» como o trataram na altura.

«Prefiro ser mulherengo do que ser…», disse Hélder a Soraia, apontando para Edmar, sem conseguir dizer «homossexual». Esta afirmação levou Cláudio Ramos a intervir e a querer ter uma conversa com o concorrente no confessionário, onde o deixou em lágrimas.

Hélder mostrou-se arrependido e ainda hoje faz questão de falar no assunto para todos entenderem que não disse aquilo por mal. O momento gerou muita discussão nas redes sociais e o público ficou dividido.

A guerra entre Hélder e Ana Catharina

Também Hélder protagonizou outro dos momentos mais delicados da casa, que gerou muita discussão depois de ter tocado em Ana Catharina, sem a sua autorização. A concorrente brasileira achou «inconveniente» o facto do colega a ter abanado, depois do desafio lançado pelo BB. O Big apenas lhe pediu para tentar fazer rir Ana e Hélder agarrou-a nos braços, abanando-a para ver se surgia um sorriso.

A vegana fez-lhe uma chamada de atenção, mas Hélder continuou: «Ai não queres que te encoste muito? Tens medo do poder? Não queres ter 50 por cento do poder?». «Eu não quero que te encostes a mim», atirou Ana Catharina. O Big Brother sentiu-se mesmo na obrigação de intervir: «Afaste-se! Era verbalmente que deveria fazer rir a Ana Catharina.»

A brasileira ficou apática depois desta atitude, deixando até na dúvida se teria tido algum problema de violência no passado. Tal nunca se confirmou. «Em mim só toca quem eu quero, com a minha autorização!», referiu na altura.

Morte do pai de Ana Catharina

Pela primeira vez na história dos reality shows em Portugal, um concorrente recebeu uma notícia devastadora. Ana Catharina foi confrontada com a morte do pai, durante a sua estadia na casa, mas não abandonou o programa.

A uma semana da final, a jovem foi convencida pela avó e pela mãe a permanecer em jogo. Para muitos telespectadores foi «arrepiante» e «verdadeiramente emocionante» ver as imagens da jovem a chorar e a recordar o pai, que morreu vítima de acidente de viação. No entanto, houve também quem acusasse a TVI de se «aproveitar» do momento delicado para subir as audiência e «explorar» o assunto.

 

Leia ainda:
Não deu hipótese! Big Brother termina na liderança e arrasa Tony Carreira e Agricultores
Cláudio Ramos vai a Fátima depois da gala final do Big Brother: «Foi uma conquista minha»
Cláudio Ramos fala sobre final do Big Brother e o regresso de Cristina Ferreira à TVI

 

Texto: Filipa Rosa; Fotos: DR

PUB