Big Brother: Ex-concorrentes lançam suspeitas sobre bastidores do reality show

O “Big Brother” tem um guião? Alguns ex-concorrentes abrem o jogo sobre o que se passa dentro da casa e sobre o que a produção faz para ‘criar’ personagens.

01 Set 2022 | 22:00
-A +A

O “Big Brother” arranca a 11 de setembro e a TVI já anunciou algumas novidades sobre a nova temporada do reality show. Porém, alguns ex-concorrentes do formato lançam agora algumas suspeitas sobre o que se passa dentro da casa mais vigiada do país.

André Filipe e Bruno Almeida estiveram no “Big Brother” e, juntamente com António Carvalho, ex-participante de “O Amor Acontece”, também da TVI, teceram algumas críticas à produção do programa. “As pessoas têm de compreender que aquilo é uma novela da vida real e nós somos guiados. Quem dá mais audiência é quem chega ao fim (…) Se favorece mais uns do que outros? Óbvio! Quem dá mais canal, é mais favorecido. É como tudo na vida”,disse André Filipe ao site A Televisão.

Bruno Almeida explicou como tudo funciona: “Quando se fala em guião, o guião está nas reuniões e nas conversas que existem na produção, na montagem de imagens… Precisamos de mostrar que esta pessoa está a ficar apaixonada por aquela pessoa. Então, vamos pegar em imagens dessa pessoa para mostrar que está, de facto, apaixonada. Nem que seja um toque de mão. É mais por aí. Não existe um guião que nos seja entregue. Nós somos nós próprios durante todo o tempo. Não temos informações de nada e ninguém nos diz para fazer isto ou aquilo. Não. O guião é entre eles. Nós estamos fora disso”.

“Saiu o vilão Morina, então o vilão vai ser o Bruno. Então, todas as imagens em que o Bruno é divertido, não passam. Percebem o que quero dizer? O guião é esse. Tem de haver o vilão, a pessoa apaixonada, a pessoa fofinha… Quem vê o 24, que não é nada 24 horas, percebe que não é bem como depois se passa nos programas. Acho que os editores de imagem do ‘Big Brother’ são muito bons“, acrescentou ainda. António Carvalho também deu a sua opinião sobre o tema: “Eu quero dar razão ao que o André e o Bruno disseram. É claro que a produção tem um guião e segue em função da audiência. É claro que ganha quem eles querem. Já toda a gente sabia que a Bruna iria ganhar, não houve novidade nenhuma”.

“Durante 23 horas e 59 minutos estamos bem e depois, num minuto, discutimos. Se eles só passam esse minuto, as pessoas vão ficar a pensar que passamos a vida a discutir, quando na verdade estivemos 23 horas e 59 minutos na boa. Mas pronto, aquilo é um programa de televisão e vive de audiências”, disse ainda o ex-participante de “O Amor Acontece”.

Texto: Patrícia Correia Branco; Fotos: Reprodução redes sociais

PUB