“Big Brother Famosos”: Cristina Ferreira já anda ‘à caça’ de concorrentes polémicos

O “Big Brother Famosos” começa em janeiro e a TVI já está a contactar várias caras conhecidas. A diretora de Entretenimento e Ficção quer um ‘elenco de luxo’ na casa mais vigiada do país.

01 Dez 2021 | 22:00
-A +A

O “Big Brother Famosos” arranca no início de janeiro e Cristina Ferreira está determinada em ter bons concorrentes dentro da casa mais vigiada do país. Os nomes de A Pipoca Mais Doce – que já disse até quanto é que a TV tinha de lhe pagar para entrar no reality show – , Nininho Vaz Maia e Bruno de Carvalho já andam a circular, mas agora uma revista semanal avança com novas celebridades que a diretora de Entretenimento e Ficção da TVI já terá contactado.

“Já decorreram as primeiras reuniões entre a Direção de Programas e a produtora e ficou definido um primeiro grupo de concorrentes. Os convites já começaram a ser feitos, mas ainda há muita gente a pensar. A Cristina está focada em ter um elenco de caras bem conhecidas do público e não quer apenas influencers, atores ou atrizes. Ela quer gente ligada ao desporto e até ao mundo da política”, disse uma fonte à TV Mais. “Já a avisaram de que não será fácil, mas a Cristina Ferreira é persistente e não desiste”, acrescentou a mesma fonte.

Segundo a mesma publicação, Cristina Ferreira quer ter um leque variado no “Big Brother Famosos” e já terá falado com Maria Sampaio, atriz de “‘Festa é Festa”, a transexual Maria João Vaz (do anúncio “Tou Xim”) e o ‘padre sexy’ Ricardo Esteves. “Claro que há nomes que, à partida, serão muito complicados, como este último, mas nunca se sabe se não haverá uma grande surpresa”, contou a mesma fonte.

Bruno de Carvalho comenta possível entrada no “Big Brother Famosos”

Confrontado com a possibilidade de ser um dos concorrentes do “Big Brother Famosos”, pelo site Dioguinho, Bruno de Carvalho já reagiu. “Se der para dar uns pontapés como no primeiro, talvez eu pense nisso…”, começou por dizer, referindo-se ao ‘famoso’ pontapé que Marco Borges deu a Sónia na primeira edição do “Big Brother”, no ano 2000, e que culminou com a sua expulsão.

“Aliás, o ‘guarita’ [Marco Borges] andou uns tempos atrás de mim, a fazer cara de mau, quando eu era terrorista”, disse ainda o antigo líder dos leões, de 49 anos, e que assumiu a presidência do clube entre 2013 e 2018.

Bruno de Carvalho esteve envolvido em polémica quando foi acusado de ser o autor moral do ataque à academia do Sporting, em Alcochete, em que vários membros do staff e jogadores foram agredidos por elementos da claque. Agora, respondendo com alguma ironia, o ex-presidente sportinguista não põe de parte uma participação no “Big Brother Famosos”.

Texto: Patrícia Correia Branco; Fotos: Reprodução redes sociais

 

PUB