“Big Brother” não pára: Novo concorrente vai entrar no domingo e nós contamos-lhe quem é

A casa do “Big Brother” vai receber um novo concorrente já no próximo domingo. Trata-se de Edmar Teixeira, ex-participante da edição comemorativa dos 20 anos do reality show em Portugal.

18 Fev 2021 | 21:00
-A +A

Sem data anunciada para acabar com o “Big Brother – Duplo Impacto”, a TVI não teve outra alternativa que não colocar novos moradores na casa mais vigiada do País. Na mesma semana em que Ana Catharina, Jéssica Fernandes e Jéssica Nogueira se juntaram ao grupo de participantes do reality show, surge a notícia de que há um novo concorrente a caminho da mansão da Ericeira.

Segundo a TV 7 Dias conseguiu apurar, Edmar Teixeira está prestes a terminar o período de quarentena e vai entrar no “Big Brother” na gala do próximo domingo. A entrada do londrino no programa da estação de Queluz de Baixo já tinha sido avançada pela nossa revista, na edição em banca, tal como as de Ana Catharina e Jéssica Fernandes. Agora, uma fonte ligada ao formato confirma-nos a data em que tal acontecerá.

Edmar Teixeira, de 27 anos, nasceu em Inglaterra. Filho de emigrantes portugueses de Mirandela, entrou no “Big Brother 2020” definindo-se como um entertainer. Estudou Media (Comunicação) e trabalhava como Gerente/animador de eventos em Londres.

 

Passagem de Edmar pelo “Big Brother” marcada por polémica com Hélder

 

A sua passagem pela edição celebrativa dos 20 anos do reality show em Portugal ficou marcada por uma polémica que envolve outro participante, Hélder Teixeira, que também concorreu ao “Big Brother – Duplo Impacto” até ser expulso pelo soberano por ter feito repetidamente a saudação nazi. “Prefiro ser mulherengo do que ser…”, disse Hélder, em conversa com Soraia Moreira, apontando com a cabeça para Edmar Teixeira, assumidamente homossexual.

Acusado por vários espectadores de ter tido um comportamento homofóbico, Hélder acabou por ser sancionado pelo “Big Brother”. Na altura, Edmar saiu em defesa do colega: “Eu sei que ele não queria dizer aquilo”.

Cá fora, depois de ter sido expulso, o londrino acabou por afirmar que cometera “um erro ao defender” o participante de Santa Maria da Feira. Ele é homofóbico (…). Na minha cara era uma pessoa. Pensava que era verdadeiro, mas agora vi o que todos os portugueses viram. Ele não é a pessoa que eu realmente pensava que era”, escreveu, nas redes sociais.

 

Texto: Carla Ventura e Dúlio Silva; Fotos: reprodução redes sociais

PUB
Top