BRONCA! Sara Tavares quer PEDIDO de DESCULPA de Margarida Rebelo Pinto.

«Não sou dada a etnias», foi a frase que gerou polémica no programa de Herman José, onde Sara Tavares e Margarida Rebelo Pinto foram convidadas.

20 Nov 2018 | 15:43
-A +A

Sara Tavares recordou o momento «surreal» que viveu com Margarida Rebelo Pinto. A cantora e a escritora foram convidadas do programa de Herman José, e depois de o apresentador ter dito que Portugal não é um país racista, a escritora assumiu não ser «dada a etnias».

Este momento fez as risadas da plateia, mas não agradou Sara Tavares que considerou o comentário «racista». Através do Facebook, a cantora decidiu responder ás críticas e deixar uma mensagem «a quem de direito».

«Para vossa informação reagi sim! Calma mas nunca cobarde. Não tenham a presunção que me conhecem só porque sabem pronunciar meu nome», começou por escrever, respondendo aos seguidores que criticaram a falta de reação durante a entrevista.

Leia mais: Ex-casal enfrenta-se em programa da TVI

«Falei com os sujeitos em questão longe das câmaras com o respeito que não me demonstraram, mas não ouvi nenhum pedido de desculpas do outro lado. Fiquei com a consciência limpa mas com uma grande dor de cabeça …tamanho sapo que engoli», esclarece a artista.

«Quem quer um pedido de desculpas público põe a mão no ar», terminou, utilizando o hashtag ‘#racismoécrime’.

Quando contactada pela TV7 Dias, Margarida Rebelo Pinto não quis reagir a este pedido de Sara Tavares.

Texto: Redação WIN- Conteúdos digitais/ Fotos: Impala e Redes Sociais

PUB
Top