Bruno Savate perturbado com “doença crónica” do pai. Progenitor assume “medo”

A saúde do pai preocupa Bruno Savate e deixa José Santos receoso devido à pandemia. “Tenho um bocadinho de medo”, assume o progenitor do concorrente do “Big Brother” à TV 7 Dias.

31 Jan 2021 | 21:05
-A +A

Bruno Savate é um dos concorrentes do “Big Brother – Duplo Impacto” que mais tem dado que falar, pela sua proximidade com Joana Albuquerque e pela tranquilidade que tem demonstrado, ao contrário de outras edições, onde revelou uma personalidade mais intempestiva.

Contudo, apesar de estar quase sempre bem-disposto, o nortenho tem motivos para estar com o coração nas mãos. Isto porque o seu progenitor sofre de uma doença crónica, o que o torna uma pessoa de risco em relação à COVID-19.

Quem o revelou foi o próprio pai, José Santos, que, em exclusivo à TV 7 Dias, explicou: “Há uns três anos tive de fazer uns cateterismos e depois foi-me diagnosticada uma doença crónica.”

O nome prefere não expor mas, devido a este problema, o pai de Bruno Savate tem de “tomar medicamentos e as coisas vão andando mais ou menos bem, se a pessoa tomar atenção aos medicamentos e às dietas”, esclarece.

 

Bruno Savate e pai têm ligação muito forte

 

Apesar de conseguir gerir bem a situação, José admite que a chegada da pandemia lhe trouxe alguns receios, por ser uma pessoa de risco. “Graças a Deus, temos conseguido fugir à COVID-19, mas tenho um bocadinho de medo. Infelizmente, o vírus toca a toda a gente, mas com doenças assim piora um bocadinho”, reconhece.

Quem ficou perturbado com este diagnóstico foi Bruno Savate, que tem uma ligação muito forte ao seu pai. “O Bruno fica sempre triste. Eu e o Bruno nascemos no mesmo dia e somos muito apegados um ao outro. Tudo o que o puser para baixo deixa-me triste e, ao contrário, ele também fica. Mas vamos gerindo, porque a vida não é só Sol, também tem este lado escuro e temos de saber lidar com tudo”, desabafa, com otimismo.

 

Texto: Carla Ventura (carla.ventura@impala.pt); Fotos: Arquivo Impala e reprodução redes sociais

 

(adaptado do artigo originalmente publicado na edição nº 1767 da TV 7 Dias)

PUB
Top