“Capacidade inata de distorcer as coisas”: Flávio Furtado atira farpas a Sónia Pinho

Foi na gala do passado domingo, dia 11, que os concorrentes ouviram a opinião dos comentadores Flávio Furtado e Marta Gil a respeito da sua participação no Big Brother.

17 Dez 2022 | 19:50
-A +A

Flávio Furtado revelou que, por si, Sónia Pinho “levava o caneco para Peniche”. No entanto, a interpretação associada a estas palavras não foi a mesma que a concorrente do Big Brother, transmitiu aos colegas.

Foi na gala do passado domingo, dia 11, que os concorrentes ouviram a opinião dos comentadores Flávio Furtado e Marta Gil a respeito da sua participação. O comentador referiu que a concorrente é “o Jorge Jesus dos reality shows”, e aconselhou-a a focar-se no jogo dentro da casa mais vigiada do país. “Por mim, levas o caneco para Peniche, não deixes é que atrapalhem o teu jogo e não sejas amiga do tempo, não mudes com o vento”, disse o comentador.

Marta Gil referiu que a concorrente de Peniche é a “maior rival do Miguel” e a que mostrou a maior evolução dentro do reality show. “Acho que deves continuar assim a aprender com os teus colegas, a manter a humildade que tens mantido e também sempre sem esquecer quem tu és, porque tu representas muito de Portugal e é importante que não nos esqueçamos disto”, começou.

“Continua com essa garra, com essa força, há muita coisa bonita que também nos passas. Para com o discurso de vitimização, chega disso, eles aprendem contigo e tu com eles”, finalizou a comentadora.

Veja o vídeo deste momento aqui.

Agora, Flávio Furtado veio esclarecer. “A Sónia ou só ouve o que lhe convém ou então ela tem uma capacidade inata de distorcer as coisas, porque aquilo que eu lhe disse foi ‘por mim, levavas o caneco para Peniche’. Ela entra na casa e diz ‘ele diz que eu vou levar o caneco para Peniche”, disse o comentador durante o ‘Extra’ de ontem.

O comentador frisou ainda que Sónia “ficou mais inchada do que um pavão” e que os restantes jogadores “ficaram meio que incomodados”. “Qualquer mensagem que vem do exterior deixa as pessoas a pensar. Se há um comentador que diz que ela vai levar o caneco para Peniche, é porque realmente a mulher é muito forte lá fora”, afirmou.

Flávio deixou ainda bem claro qual era o seu objetivo. “Era ajudá-la a que ela ficasse motivada e ela não apanhou uma parte: foca-te, diverte-nos, a minha ideia era ‘não precisas de tentar agradar a ninguém, sê tu’”.

Leia ainda:

Texto: Márcia Alves com Luís Duarte Sousa; Fotos: Redes Sociais
PUB