Carrilho absolvido de crime de violência doméstica movido por Bárbara Guimarães

Manuel Maria Carrilho conheceu hoje a sentença no caso de violência doméstica. «Estou satisfeito», disse à saída do tribunal, em declarações à imprensa.

21 Out 2020 | 12:30
-A +A

Manuel Maria Carrilho foi absolvido de violência doméstica no processo que Bárbara Guimarães tinha movido contra o ex-ministro. Carrilho conheceu, na manhã desta quarta.feira, 21 de outubro, a sentença, depois de já ter sido absolvido duas vezes do mesmo crime.

À saída do tribunal o ex-ministro afirmou: «Estou satisfeito. É a terceira vez que venho acusado, é a terceira vez que sou absolvido inteiramente das acusações de que fui alvo». O ex-marido de Bárbara Guimarães disse-se ainda perseguido pelo Tribunal da Relação de Lisboa «de forma incompreensível e impiedosa».

Noutro processo, Manuel Maria Carrilho foi condenado por violência doméstica por factos ocorridos após a separação.

(Em atualização)

 

Saiba mais:
Bárbara Guimarães fala do divórcio de Carrilho e do efeito do escândalo na vida do filho
Bárbara Guimarães e Manuel Maria Carrilho novamente em tribunal
Manuel Maria Carrilho condenado por difamação a pais de Bárbara Guimarães
Texto: Marta Amorim; Fotos: D.R.

PUB
Top