Casados à Primeira Vista: CASTINGS JÁ ABRIRAM!

A SIC recomeçou a procura por solteiros que queiram dar o nó com desconhecidos. A segunda temporada de Casados à Primeira Vista ainda não tem data de estreia.

14 Mar 2019 | 17:50
-A +A

Daniel Oliveira já tinha confirmado em janeiro o regresso de Casados à Primeira Vista e, agora, a SIC já abriu oficialmente a procura por novos solteiros. Os castings já estão a ser promovidos na antena da estação de Paço de Arcos e os que queiram suceder a José Luís, Graça, Dave e companhia podem tentar a sua sorte. Saiba aqui como concorrer.

Casados à Primeira Vista estreou-se em outubro de 2018 e foi um dos programas de maior sucesso da SIC dos últimos anos. O reality show deu o pontapé de saída a uma série de programas dedicados à procura do amor: First Dates, O Carro do Amor, Quem quer Casar com o Meu Filho e Quem Quer Namorar com o Agricultor.

 

«As pessoas não queriam que acabasse»

 

À margem da abertura da nova loja C&A do Colombo, Diana Chaves manteve o suspense sobre a segunda edição de Casados à Primeira Vista. «A haver uma segunda edição, acho que será muito bem recebida. Quando o Casados terminou deixou uma saudade. Pelo menos, foi esse o feedback que eu tive do público».

A apresentadora do formato e de Carro do Amor diz que o público não só queria «ver a continuação» mas também fazer parte do programa. «O Casados à Primeira Vista mudou o paradigma deste tipo de programas. E nós temos visto isso agora no Carro do Amor. As pessoas que se inscrevem, a maior parte delas vai com o propósito verdadeiro e o que é facto é que realmente tem acontecido».

 

Veja mais: José Luís de Casados à Primeira Vista vive momento dramático

 

Apesar de afirmar que «em Portugal muitas vezes recebemos sempre com um pé atrás aquilo que é desconhecido», Diana Chaves explica que a receptividade por parte do público foi positiva. «Senti que as pessoas gostaram muito. Não estou a falar de resultados, estou a falar daquilo que as pessoas me dizem. E realmente as pessoas não queriam que o Casados acabasse», garante a estrela da SIC.

«É bom quando acaba cá em cima. Eu acho que aquela eterna questão de esmiuçar as coisas até ao tutano, às vezes não resulta, porque depois acaba por cansar. E quando saímos em cima, as pessoas têm sempre vontade de voltar a ver. Eu acho que vai haver essa curiosidade e tanto a SIC como a Shine não vão defraudar as expectativas de maneira nenhuma. Tem tudo para correr bem», remata a companheira de César Peixoto.

Texto: Tânia Cabral com Raquel Costa | Fotos: SIC e Helena Morais

 

PUB
Top