Cenário de “Dia de Cristina” ridicularizado na RTP1: “Batata assada em alumínio”

No “5 Para a Meia-Noite”, Miguel Rocha perguntou a Joana Barrios, sobre o cenário de “Dia de Cristina”, se esta gostava de “sair de dentro de uma batata assada em alumínio”.

11 Dez 2020 | 22:22
-A +A

O “5 Para a Meia-Noite”, da RTP1, recebeu Joana Barrios e o cenário de “Dia de Cristina”, da TVI, veio à baila. A cozinheira, presença assídua nos programas de Cristina Ferreira, foi confrontada com a decoração do estúdio a partir do qual a Diretora de Entretenimento e Ficção do canal de Queluz de Baixo conduz o formato. E respondeu sem papas na língua.

“De zero a dez, quanto é que achas horroroso o cenário do ‘Dia de Cristina’? Aprecias sair de dentro de uma batata assada em alumínio?”, perguntou Miguel Rocha, que substitui Inês Lopes Gonçalves na condução do late night show enquanto esta se encontra em isolamento profilático.

Depois de uma valente gargalhada, a cozinheira respondeu “adorar aquele cenário”. “Não percebo [as críticas]. Eu adoro aquela cozinha. Acho super divertido”, prosseguiu. O apresentador emendou-a: “Eu não disse a cozinha”. “E o cenário inteiro. Eu adoro coisas com escadarias. Eu sou do teatro e as pessoas do teatro desejam descer uma escadaria”, completou.

 

“Se a Ellen visse este cenário, pensaria que o dela estava ultrapassado”

 

Quando “Dia de Cristina” se estreou, em setembro passado, Cristina Ferreira deu que falar por causa da decoração do programa, que assinalou o seu regressou à antena da TVI depois de uma passagem pela SIC.

À TV 7 Dias, explicou que a escolha tem a ver com “uma televisão do futuro”. “Eu quero uma televisão com aquilo que começa a ser tendência a nível internacional, e os grandes cenários como este que temos aqui são a grande tendência a nível de formatos televisivos. Era isto que queríamos mostrar”, assegurou. 

“Passo de uma cama e de um quarto para este ambiente. Sabem que há esse lado meu de provocar sentimentos”, prosseguiu, referindo-se à “casa” que tinha representada no programa das manhãs da SIC.

“Mesmo a nível internacional, este cenário é difícil de encontrar. Eu vi um bocadinho [do programa] da Ellen [DeGeneres] e ela, se visse este cenário, pensaria: ‘Temos que mudar o nosso que isto está ultrapassado!'”, brincou.

 

Texto: Ana Filipe Silveira; Fotos: reprodução redes sociais

PUB
Top