Cláudio Ramos agita TVI: «Não faz sentido nenhum tratá-lo como um rei»

O apresentador do Big Brother esteve envolvido em polémicas com algumas das línguas mais afiadas da televisão portuguesa e vai encontrá-los na TVI. Saiba o que estes dizem sobre a contratação.

22 Fev 2020 | 14:40
-A +A

No momento que Cláudio Ramos mudou de estação, da SIC para a TVI, encontrou agora no mesmo canal várias inimizades que foi criando ao longo do tempo. Serginho, Flávio Furtado, Rui Oliveira e Carolina Deslandes, Luana Piovani e Júlia Palha são algumas das personalidades com quem o apresentador andou às “turras”. Mas ao que parece, não é só por ter mudado de “bairro” que terá a vida facilitada nos corredores da sua nova casa.

Os novos colegas de Cláudio Ramos não ficaram muito felizes com esta mudança. «Não faz sentido nenhum tratá-lo como um rei. Esta receção foi um exagero total, completamente surreal», diz-nos uma fonte ligada à estação de Queluz de Baixo. «Aqui pelos corredores não se fala noutra coisa. Ninguém entende como é que há dinheiro para uns e não há para outros. Numa altura em que, ao que tudo indica, haverá mais despedimentos e salários reduzidos, dar um ordenado destes ao Cláudio Ramos é gozar com a cara daqueles que já cá trabalham há muitos anos! É revoltante», continua a mesma fonte. «As pessoas tinham muita fé no Nuno Santos, mas acham que este é o primeiro ‘tiro no pé’ dele», remata.

 

Em clima de guerra

 

Flávio Furtado e o novo rosto do Big Brother são inimigos há vários anos. A 11 de fevereiro, o comentador foi convidado ao A Nossa Tarde para apresentar o seu novo livro de culinária. Aquando questionado por Tânia Ribas de Oliveira sobre a chegada de Cláudio à TVI, este não reagiu à pergunta, apenas continuou o que estava a fazer sem dar qualquer resposta à apresentadora. O que não aconteceu anteriormente.

Numa das publicações em que o Rui Oliveira atacou a recente aposta da TVI no Instagram, Flávio ripostou abaixo: «Ó, esses que nasceram lagartixa nunca serão jacaré.»Outra das relações antigas de ódio mútuo diz respeito a Serginho. Conheceram-se nas Noites Marcianas, da SIC, em 2001, um programa conduzido por Júlia Pinheiro, e a partir daí só perdurou competição e contínuos desentendimentos.

O comentador do social da TVI sempre se referiu a Cláudio de uma forma desrespeitosa. Na crónica no Você na TV!, disse em direto, «depois da dona [N.R. referindo-se a Cristina Ferreira] lhe pôr uma trela, quase que parece gente.» Sem papas na língua, ainda chegou a chamar o ex-colega de “cão” e acusou-o de ser mal formado.

Quem também o chamou de animal foi Rui Oliveira ao fazer uma montagem de um canino com a cabeça de Cláudio Ramos. Isto porque segundo o marido de Manuel Luís Goucha: «A raiva é transmitida pela saliva infetada. que entra no corpo por meio de uma mordida ou pele lesionada. Que me desculpem os canídeos de que gosto tanto», escreveu.

A zanga com Rui Oliveira teve início quando o ex-vizinho de Cristina Ferreira criticou o seu visual no Portugal Fashion. «O Manel veste-se melhor! A diferença é que o Manel é assim, o Rui quer transformar-se numa coisa que não é», lançou, acrescentando que o uso de óculos de sol na primeira fila do desfile era «feio, desnecessário.»

 

«A pior figura da televisão em Portugal»

O companheiro da estrela do canal de Queluz de Baixo não demorou a reagir aos comentários tecidos por Cláudio e o grau do insulto aumentou tanto nas redes sociais como na televisão. «Olha para mim a ‘transformar-me naquilo que não sou’, segundo alguns ignorantes» ou «será que usar os óculos é feio» lê-se nas legendas das fotos colocadas pelo marido de Goucha, como resposta à ofensa do antigo colega de Cristina Ferreira.

Ainda, o empresário após saber a opinião do namorado de Diogo Faria sobre Madonna julgou-o: «Só pode ser um insulto a quem a tem “cabeça=cérebro.» Contudo, apesar das acusações, a verdadeira afronta veio da parte do apresentador do matutino da TVI: «Digo com muita tristeza, mas eu senti aqui uma falta de uma palavra do Manuel. Dizer: ‘Rui, basta. Rui, chega. O que tu estás a fazer é uma infantilidade.» 

Outra rivalidade aconteceu com a brasileira Luana Piovanni. Sem temer, Cláudio Ramos referiu-se ao desempenho profissional da apresentadora como «a pior figura da televisão em Portugal.» E acrescentou: «Aquela mulher não tem graça nenhuma!»

Já com Carolina Deslandes a história é outra. A rixa com a cantora começou após o comentário que a artista fez ao concerto do Ed Sheran, ao criticar que o público português não apoia os músicos nacionais da mesma forma que faz com os músicos internacionais.

A partir daí os ataques foram constantes entre os dois. A artista recomendou ao apresentador se instruir e este respondeu à letra: «Se não fossem as tuas polémicas na internet, quem é que falava da Carolina Deslandes?» Para além disso, acusou-a de ter alegadamente roubado o marido a Carminho. No Passadeira Vermelha, Cláudio Ramos chegou a confessar ter bloqueado Carolina Deslandes nas redes sociais.

Também, depois de Joana Latino opinar sobre o vestido que Júlia Palha levou à gala Men of The Year da GQ. A seguir foi a vez de Cláudio Ramos debruçar-se sobre a revista da Women’s Health em que a atriz foi capa. Durante três minutos o comentador atirou: «Isto é um círculo, quando falamos aqui só estamos a beneficiar. Sem nós, o valor de mercado de Júlia Palha era – apesar de ela ser uma querida, um amor, um talento, muito bem educada – 25% daquilo que é hoje. Graças ao Passadeira Vermelha, e aos comentários de Joana, hoje está seguramente nas pessoas mais cotadas e mais faladas.» Também reforçou que se era para a jovem de 21 ter ficado tão ofendida com as críticas, não deveria ter aceite o convite.

 

Vai trabalhar com o “ex”

A relação entre Pedro Crispim e Cláudio Ramos terminou em 2015 mas a ligação entre os dois permaneceu com outros contornos, o da amizade. No início de abril do ano passado, Cláudio Ramos ao assumir, no programa Passadeira Vermelha, que estava apaixonado pelo companheiro Diogo Faria, realçou que «quando casasse, avisava». Na véspera de feriado, do mesmo mês, o colaborador do Você na TV! foi ao baú de memórias e partilhou várias fotografias. Numa das imagens aparecia o novo rosto da TVI em tronco nu, com uma mochila às costas. Perante o término, o stylist avançou que está «em paz». «Fui muito feliz e tenho ótimas memórias. Não houve nenhuma discussão ou lavar de roupa suja. Serei sempre amigo do Cláudio e estarei aqui para o que ele precisar. E digo isto sem qualquer hipocrisia», avançou à Caras.

Texto: Carolina Sousa; Fotos: Arquivo Impala e Reprodução Instagram
Leia ainda:
Cláudio Ramos responde a mensagem enigmática de Cristina Ferreira!
Cláudio Ramos assume tristeza de Cristina Ferreira: «A nossa história não acabou aqui»

PUB