“Comecei a notar quando ele tinha receio de ir à escola”: Mariza revela problema do filho

Mariza conta que o filho, Martim, tem uma condição especial. Foi no programa Cristina Comvida que a fadista fez algumas revelações sobre a saúde do menino.

29 Abr 2021 | 16:50
-A +A

Mariza marcou presença no programa “Cristina ComVida”, da TVI, nesta quarta-feira, dia 28 de abril, para cantar e encantar os telespetadores com um poema do filho que foi transformado para dar vida à sua nova canção “Mãe”. Mas foi à conversa com Cristina Ferreira que a fadista revelou que Martim, de nove anos, padece de um problema: um défice de atenção acima do normal.

“O Martim é uma criança que é um grande prematuro e os grandes prematuros têm sempre uma dificuldade imensa de concentração”, começou por dizer. “Ele tem um défice de atenção acima do normal. Comecei a notar quando ele tinha receio de ir à escola. Percebi que tinha uma grande dificuldade em ler e em escrever”, esclareceu Mariza à estrela da TVI, em direto.

E continuou: “Decidi trazer para casa uma professora de ensino especial, que é psicóloga também, e mudar o Martim para uma escola pública.”

A fadista explicou ainda que o filho, depois de ter mudado de escola, em outubro do ano passado, começou a fazer um “esforço gigante” para melhorar a escrita e a leitura. A especial convidada confessou que o menino levou três dias para escrever a letra que deu origem à sua mais recente música. A canção vai ser lançada no próximo domingo, dia 2 de maio, em homenagem ao Dia da Mãe.

Mariza: “A nossa espera valeu a pena”

“Nunca me passou pela cabeça que pedisse ajuda à professora para escrever uma carta para a mãe. A professora disse que foi tudo da cabeça dele”, contou.

Orgulhosa do gesto do filho, Mariza referiu que a melodia é uma ode ao amor e um registo que unifica mãe e filho naquilo que a fadista sabe fazer de melhor: cantar. “É uma declaração de amor em que ele diz que o meu coração e o dele estarão para sempre juntos. Em que a nossa espera valeu a pena… Decidi cantar, não na intenção de ser uma coisa comercial, mas de ter um registo meu e do meu filho, que irá ficar comigo para o resto da vida”, rematou.

O que é o Défice de Atenção?

O défice de atenção corresponde à ocorrência de períodos de atenção escassos ou breves e uma impulsividade exagerada para a idade. Este défice pode associar-se ou não à hiperatividade. Embora seja mais comum nas crianças, pode também afetar os adultos.

Este problema afeta cerca de 5% a 10% das crianças em idade escolar e é 10 vezes mais frequente em rapazes do que em raparigas.

As primeiras manifestações costumam surgir antes dos quatro anos e quase sempre antes dos sete. O défice de atenção, isolado ou associado a hiperatividade, gera problemas em casa, na escola, no trabalho e nas relações interpessoais, pelo que o seu reconhecimento e abordagem são fundamentais.

Texto: Carolina Sousa com Inês Neves; Fotos: Redes Sociais e Reprodução TVI
Leia também:
Mariza fala sobre a razão que a levou a apanhar a “maior tareia da vida”

PUB
Top