Revelada a conversa em que Cláudio Ramos disse a Cristina Ferreira que ia para a TVI

Cláudio Ramos recordou o momento em que contou a Cristina Ferreira que estava de saída da SIC. Os dois continuam a conversar mas estão agora num «período de luto».

28 Fev 2020 | 15:34
-A +A

Não ficou nada por dizer na entrevista que Cláudio Ramos deu a Joana Azevedo e Diogo Beja. No podcast Cada Um Sabe de Si, da Rádio Comercial, o apresentador garantiu que continua amigo de Cristina Ferreira e explicou, passo a passo, o processo de transferência da SIC para a TVI.

«Dou-me lindamente com ela. Não houve zangas, não houve nada disso. Dou-me lindamente com ela», reforçou, afirmando mais tarde que tem falado recorrentemente com aquela que considera ser sua amiga. Isto apesar de não negar um certo afastamento que, diz, é necessário para a relação saudável dos dois.

 

Clique aqui para saber tudo sobre o mal-estar que Cláudio Ramos criou na TVI.

 

«Trocamos mensagens. Acho que também é preciso, um e outro, organizar a cabeça. Eu, na Cristina, tenho uma amiga. Acho que a nossa química televisiva é praticamente uma experiência rara, porque tivemos química logo no primeiro momento. Isso é muito difícil. E nós não éramos amigos íntimos, nem tínhamos estado duas vezes juntos. Tivemos uma química imediata», recordou.

O que Cláudio Ramos não desmente também é o facto de Cristina Ferreira ter ficado melindrada com a transferência do ‘vizinho’ para outro bairro. Mas o apresentador olha para a situação com normalidade. «É óbvio que qualquer pessoa no lugar da Cristina ficaria magoada, no sentido de ‘eu sei que ele tem de voar, mas a verdade é que agora também estou um bocado desasada. Vou ter de resolver, então’», pensou.

 

Cristina e Cláudio em «período de luto»

 

«Estamos todos a tentar encontrar as peças do puzzle, mas trocamos mensagens e falamos com frequência. E iremos jantar agora um dia destes. É preciso que tudo acalme. É um período de luto. Depois, é preciso que as coisas voltem à normalidade, porque é isso que quero. Tenho uma amiga para a vida. Não quero que uma transferência televisiva acabe com isso. Nem pensar», continuou.

Aliás, na mesma posição esteve, há um ano e meio, Cristina Ferreira. No verão de 2018, a apresentadora aceitou o convite da SIC e despediu-se de Manuel Luís Goucha após 14 anos de dupla televisiva na TVI. «No dia em que lhe contei – foi a primeira pessoa a quem contei – ela disse: ‘eu sei exatamente o que estás a passar. eu fiz o mesmo. concordando ou não, eu não posso dizer para não o fazeres’», revelou.

 

Clique aqui para saber a boca que Cláudio Ramos mandou a SIC!

 

E continuou a recordar o momento em que disse a Cristina Ferreira que acabara de aceitar o convite da TVI para apresentar o reality show Big Brother 2020, com estreia prevista para março. «Sou muito pragmático. Já sabia da decisão há muito tempo. Esperei o tempo certo. Guardei para mim. Ninguém sabia. O pior foi a espera. Disse à Cristina: ‘Preciso de falar contigo’. Fui ao camarim sozinho com ela e disse-lhe tudo de rajada. Ela não estava à espera. Mas ela é muito intuitiva e ela sabe, como eu, que as pessoas têm o direito ao seu crescimento. Foi uma conversa normalíssima», relativizou.

Antes dessa conversa, quando já tinha decidido o seu futuro profissional, Cláudio Ramos tomou uma decisão: não ter conhecimento de qualquer decisão referente ao futuro d’O Programa da Cristina. «Deixei de ir às reuniões. Deixei de estar presente em qualquer decisão do programa. Não podia fazer isso, não me sentiria bem.» E ninguém desconfiou? «Não, porque eu comecei ao mesmo tempo um projeto que será lançado por estes dias e tinha muito trabalho. Ninguém desconfiou o facto de não estar presente.»

 

Futuro de Cláudio passa ao lado de… Cristina

 

Já a postos para assumir a condução de Big Brother 2020, Cláudio Ramos terá à sua espera outros desafios na TVI. Mas de algo o apresentador ter certeza: no futuro, voltará a cruzar-se com Cristina Ferreira.

«Estou convencido de que a nossa história não terminou. Estou, de resto, convencido de que vou voltar a trabalhar com ela, como estava convencido de que ia trabalhar com ela quando a conheci e percebi logo: ‘Esta mulher é qualquer coisa na televisão’. Escrevi na altura: ‘Tenho a certeza de que vamos trabalhar juntos’. Longe de imaginar que algum dia ela pudesse ir para a SIC e que eu fosse uma escolha para estar ao seu lado nas manhãs», afirmou, para depois completar: «Tenho um sexto sentido apurado. Tenho a certeza de que ainda vou trabalhar com ela. Não tenho dúvida nenhuma»

 

VEJA TAMBÉM:
Passadeira Vermelha perde Cláudio Ramos mas tem grandes novidades!
«Damo-nos lindamente». Saiba quem é a mulher que tem apoiado Cláudio Ramos!

 

Texto: Dúlio Silva; Fotografias: reprodução redes sociais

PUB
Top