Cristiana e a luta contra a depressão: «Não fui acompanhada por nenhum psicólogo»

Cristiana Dionísio desabafa sobre o período complicado que viveu depois do parto do filho Dylan. A concorrente de Like Me revela que «levou muito tempo» até ficar bem.

09 Jul 2019 | 18:20
-A +A

No quarto do Estúdio Criativo, Cristiana Dionísio desabafa com Tiago Rufino e Isabela Cardinali sobre os indícios de depressão pós-parto que teve há cerca de dois anos.

«Parece que a culpa é tua mas, no fundo, a culpa não era minha», começa por dizer. A concorrente de Like Me refere que «levou muito tempo» até ficar bem.

«Psicologicamente não estava bem»

 

«Sou uma pessoa que não demonstro e às vezes as pessoas não me levam tão a sério e eu acabo por sofrer mais. Mas eu passei bué mal, psicologicamente não estava bem. Não fui acompanhada por nenhum psicólogo», confessa Cristiana.

Crisbunda garante que passou por tudo isto sozinha, mas que finalmente conseguiu superar. «Só agora nestes últimos tempos é que posso dizer que estou bem. Estou com outra vibe (…) Toda a gente tinha medo que eu ficasse com depressão».

A falta do pai de Dylan (Euciodalcio Gomes) também foi assunto de conversa. Cristiana admite que lhe custou muito andar sempre no hospital sem a figura paterna. «No hospital havia sempre pai e mãe e toda a gente olhava, do tipo, coitada. Senti-me bue mal porque não queria ser coitada», afirma.

Vídeo aqui. 

Veja também:
Cristiana Dionísio em EXCLUSIVO: «O pai acaba por fazer falta ao meu filho»
Cristiana Dionísio desaba em lágrimas com «lavar de roupa suja» de concorrentes
Cristiana Dionísio revela como descobriu gravidez: «Comecei a ter sangramentos»
Texto: Redação WIN Conteúdos Digitais/ Fotos: DR e Arquivo Impala

PUB
Top