Cristiano Ronaldo fala sobre o caso Mayorga: «Ficou provado que eu era inocente»

Cristiano Ronaldo quebra o silêncio para falar da alegada tentativa de violação à norte-americana Kathryn Mayorga e admite, em entrevista à TVI, que foi duro ver a sua honra posta em causa.

20 Ago 2019 | 21:57
-A +A

Pela primeira vez, Cristiano Ronaldo falou publicamente do caso Mayorga. Em entrevista à TVI, o jogador português reconheceu que 2018 «foi o ano mais difícil» da sua vida, não só por ter sido levado a tribunal por crime fiscal em Espanha, mas sobretudo pela acusação de violação da norte-americana Kathryn Mayorga. O caso remonta a 2009, mas foi no ano passado que a americana decidiu avançar com a queixa. No entanto, as autoridades norte-americanas decidiram, em julho, não avançar com o processo por falta de provas. Um mês depois desta decisão, o jogador português assume:

«2018 foi o ano mais difícil para mim. não a nível profissional, mas pessoal. Quando colocam em causa a tua honra, dói, principalmente porque eu tenho uma família grande, uma senhora, um filho que é inteligente e já percebe», disse, um pouco nervoso, acrescentando: «É um caso que não me sinto confortável em falar. Mas graças a Deus, as coisas… Uma vez mais ficou provado – os meus amigos, a família, as pessoas que gostam de mim sabem – que eu era inocente e confirmou-se, o que me deixa orgulhoso. Mas se pensar friamente, foi muito duro».

Ainda que este tema tenha sido o que deixou Cristiano Ronaldo um pouco mais desconfortável, a verdade é que o jogador mostrou-se sempre muito bem disposto e, sobretudo, à-vontade para falar sobre tudo na sua vida.

 

Preparou o filho Cristianinho para deixar Madrid

 

Na sua casa em Itália, o jogador português falou sobre a mudança de Madrid para Turim, uma decisão apoiada pela namorada, Georgina Rodriguez. «Custou-me sair do Real obviamente, mas foi um desafio diferente e estou contente», disse, garantindo que a namorada partilha dos mesmos ideais. ‘A Gio é como eu, pensa como eu, gosta de desafios e nesse aspeto foi fácil. Para o Cristianinho, foi um pouco mais difícil. Já o estava a preparar há uns meses e ele percebeu que o pai podia sair», contou.

Pai babado, Cristiano Ronaldo falou com orgulho do filho mais velho e mostrou-se preocupado com o seu futuro. «Ele é um pouco tímido, sai um pouco a mim, eu era como ele, mas como o desenrolar da vida, com as experiências de vida, fiquei menos tímido. O Cristiano fala português, espanhol, italiano e inglês melhor do que eu», afirma,admitindo que, como pai, tenta acompanhar a evolução da vida, apesar de não ver com bons olhos «o mundo em que vivemos».

“Sou sincero, não gosto muito do mundo em que vivemos, a nível das redes sociais, o acesso que os miúdos têm à internet, as playstations. Como pai, tento de me adaptar ao mundo real, mas faço por incutir que a vida não é fácil«, diz o internacional português.

«Não preciso do futebol para viver bem»

 

E Cristiano Ronaldo faz por mostrar isso mesmo, que é preciso lutar para conquistar os sonhos. «Cresci na Madeira, os meus pais trabalhavam muito, os meus irmãos trabalhavam muito, mas nunca passávamos fome. Tínhamos uma vida normal, com comida na mesa. Por isso, tento passar a mensagem que com trabalho, dedicação, tudo se consegue», frisou.

Aos 34 anos, Cristiano Ronaldo assume que não sabe quando vai pendurar as chuteiras e que nunca pensou chegar onde chegou. Ainda assim, continua a ir à igreja, agradecer por tudo o que tem. «A nível financeiro, estou muito bem, não preciso do futebol para viver bem. Mas há projetos e o da Juventus aliciou-me», confirmou o jogador, para quem a família é o grande pilar.

Apesar de assumidamente obcecado pelo sucesso, Cristiano Ronaldo disse que, hoje, encara as derrotas de forma diferente e que hoje, depois de uma derrota, entra em casa de forma diferente. «Já fui pior. Há uns anos, quando perdia, não jantava e enfiava-me no quarto. Mas aprendi que o futebol não é tudo na vida», adiantou, frisando que não fala muito de bola em casa, até porque: «A Gio não percebe nada de futebol».

 

 

 

Saiba mais aqui:
Site americano revela que Cristiano Ronaldo assumiu ter dado dinheiro a Kathryn Mayorga
«Isto ainda não acabou!» Mãe de Kathryn Mayorga lança aviso a Cristiano Ronaldo

 

Texto: Rita Montenegro | Fotos: Arquivo Impala e Reprodução Redes Sociais

 

PUB
Top