Desculpe, como disse?! Cláudio Ramos deixa todos sem reação: “Eu, comer uma picha? Não”

Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz receberam de uma peixeira, no programa “Dois às 10”, vários tipos de marisco. Entre eles, estava um que levou o apresentador a afirmar: “Eu, comer uma picha? Não”.

16 Abr 2021 | 18:50
-A +A

Na manhã desta sexta-feira, 16 de abril, Cláudio Ramos foi o protagonista de um momento insólito que causou muitas gargalhadas junto de Maria Botelho Moniz. No programa “Dois às 10”, da TVI, a dupla de apresentadores recebeu em estúdio Virgínia Crespo, peixeira de profissão, para dedicar parte do formato às profissões associadas ao mar.

Virgínia é filha e mulher de pescadores e dedica-se à venda de marisco na praia da Vieira, em Leiria. Trouxe, por isso, até Queluz de Baixo, uma pequena amostra daquilo que comercializa diariamente. “Olhe, tem ali percebes, sapateira, camarão da costa… e tem ali aquele pequenino que são as pichas”, explanou a peixeira. “As quê?”, interrompeu Maria Botelho Moniz. “As pichas. É isso que você está aí a ver”, voltou a salientar Virgínia Crespo, constatando o óbvio. 

 

Cláudio Ramos: “Não precisava de cá vir para saber que eu gosto [de picha]”

 

A palavra que serve para designar um tipo de camarão de pequena dimensão – e que, em calão, também diz respeito ao órgão sexual masculino – foi motivo suficiente para dar o mote a várias brincadeira e trocadilhos em estúdio. “Olhe, coma lá”, sugeriu a leiriense a Cláudio Ramos. “Eu, comer uma picha? Não”, retorquiu serenamente o apresentador. Maria Botelho Moniz foi mais ‘corajosa’ e atreveu-se a provar este marisco. “Olha que é bom!”, exclamou, deliciada mas sem esconder o riso. “É. Eu já sei que é bom há muito tempo”, complementou Cláudio Ramos.

Habituada a aproveitar este tipo de marisco para confecionar outras iguarias, Virgínia trouxe ao “Dois às 10” um prato denominado pataniscas de picha e fez questão que os anfitriões do programa das manhãs da TVI o provassem. “Então, você nunca comeu. Tem de comer agora”, atirou a peixeira, em tom de brincadeira, a Cláudio Ramos. O apresentador não se fez de rogado e provou. Mas, antes disso, constatou, em tom jocoso: “Não precisava de cá vir com a patanisca para saber que eu gosto”.

Veja esse momento aqui.

 

Texto: Alexandre Oliveira Vaz; Fotos: reprodução TVI e redes sociais

PUB
Top