Diogo Amaral: «Deixei que te matassem»

Ator deixa frase inspiradora…

15 Mar 2018 | 15:28
-A +A

Diogo Amaral é um dos protagonistas do filme «Pedro e Inês». O ator, que está ansioso pela estreia, tem promovido o projeto nas redes sociais. 

Esta quinta-feira, o ex-companheiro de Vera Kolodzig publicou uma fotografia sua repleta de fumo azul. Na legenda, citando uma frase do filme, escreveu:

«Deixei que te matassem. Era esta a principal razão para a minha fúria. E quando um homem se culpa, é capaz de tudo para acalmar a consciência, para se convencer de que a culpa que o consome, dia após dia, noite após noite, não está dentro do seu próprio coração».

ESPREITE AINDA: Diogo Amaral e Jessica Athayde fogem para Londres para namorar

Filme estreia este ano

Ainda sem dia anunciada, o filme «Pedro e Inês» estreia este ano. O ator já publicou uma pequena cena desta obra, que promete deixar os portugueses colados ao ecrã-

«Se fosse eu a mandar o filme «Pedro e Inês» estreava amanhã, mas não sou… Estreia em 2018 nos cinemas! Tu vais ver, não vais?», perguntou o ator aos fãs.

 

PUB
Top