DJ Avicii avisou que ia morrer

Avicii, que morreu aos 28 anos, avisou que não ia aguentar mais actuações. «Sei que vou morrer».

24 Abr 2018 | 15:34
-A +A

Avicii, de apenas 28 anos, morreu a 20 de abril em Mascate, Omã. O DJ, cujo nome verdadeiro era Tim Bergling, disse que sabia que ia morrer. E fê-lo de viva voz no documentário da Netflix.

Em 2014, quando já batalhava com problemas de saúde – uma pancreatite aguda – Avicii disse aos seus produtores, à frente das câmaras: «eu disse ‘eu vou morrer’. Já disse isto tantas vezes. Por isso, não quero que me digam que devo pensar em fazer mais um concerto».

Nesse mesmo ano, o dj sueco foi hospitalizado e foram-lhe retirados a vesícula biliar e o pâncreas. 

No documentário, que foi disponibilizado recentemente na plataforma netflix e, entretanto, retirado, Tim Bergling diz: «Já lhes disse que não posso continuar a atuar». 

Veja o vídeo

O documentário mostra também o DJ numa reunião em Las Vegas, já depois de ter anunciado que ia retirar-se dos palcos, a dizer aos seus manager que a ideia de fazer as últimas atuações antes de se retirar lhe causava pânico. 

As causas de morte do DJ sueco ainda não são conhecidas mas as autoridades já descartaram a hipótese de crime. 

Fotos: Reuters

PUB
Top