Documentário sobre Ângelo Rodrigues alvo de polémica: «Decadência total»

SIC vai transmitir este mês um documentário sobre a recuperação do ator, depois de este ter estado entre a vida e a morte devido a uma alegada injeção de testosterona.

05 Set 2020 | 12:10
-A +A

A SIC prepara-se para transmitir um documentário em torno dos tratamentos de Ângelo Rodrigues, que esteve internado há cerca de um ano depois de, alegadamente, ter levado uma injeção de testosterona que lhe provocou uma infeção generalizada. Uma ideia de Daniel Oliveira, admitiu o ator em entrevista a Cristina Ferreira, que está a ser alvo de polémica.

O canal já colocou nas suas redes sociais um vídeo promocional a esta «história de superação», diz. No entanto,  nem todos os espectadores o encaram da mesma forma. «Superação? Quer dizer, vocês estão a tentar glorificar uma situação em que ele é o culpado de se meter nela! Toma o que tomou para ter um corpo mais esbelto e deu me*** da grossa e vocês ainda por cima estão a recompensá-lo e a tentar ganhar dinheiro com isso», aponta um seguidor do canal de Paço de Arcos.

«Decadência total. Qualquer dia fazem uma eutanásia em direto em prol das audiências. Vão contar a historia de quem lhe vendia as hormonas e o quão mal fazem», atira outro. «Incrível como a SIC dá crédito a esta personagem, que sem lhe faltar nada, decidiu drogar-se com hormonas para forjar um pouco mais de imagem e de status. Há pessoas com doenças lixadas e na origem das quais não têm qualquer responsabilidade e não as vemos nestes documentários. Fazem este circo só porque este drogado é popular e gera dinheiro, não pelo mérito e certamente não pelo exemplo para a sociedade», acrescenta outro.

 

Veja o vídeo:

 

Toda a historia de superação de @angelorodrigues_oficial. Brevemente na #sic.

Uma publicação partilhada por SIC (@sicoficial) a

 

Infeção sempre ficou por explicar

Até agora, Ângelo Rodrigues ainda não explicou publicamente as razões da infeção que o deixou entre a vida e a morte. Quando foi entrevistado pela agora Diretora de Entretenimento e Ficção da TVI, as causas não foram mencionadas.

Na altura, Cristina Ferreira justificou que foi um «pedido do próprio Ângelo e por um motivo que será partilhado mais tarde». «Acho que assumir o erro é quanto baste. Este processo pelo qual está a passar é muito longo. Há muita coisa que foi apagada do seu cérebro. Há um caminho difícil para continuar. Na nossa conversa, a dor rimou com amor. O que o Ângelo sente que o salvou. Eu, como sempre, tentei respeitar os limites do meu convidado. Porque a televisão se faz de pessoas. E é preciso não esquecer isso», afirmou a malveirense.

O documentário será exibido ainda durante este mês de setembro, a mesma altura em que se estreia a quarta temporada de Golpe de Sorte, da qual o ator faz parteOs primeiros dias de gravações não foram fáceis para Ângelo, que tinha feito nova cirurgia à perna. «Quando matarem saudades do Golpe de Sorte, lembrem-se que eu estava a fazer um esforço homérico para gravar sem muletas», referiu no final de maio na legenda de uma foto onde surge feliz ao lado de Isabela Valadeiro, Maria João Abreu, José Raposo e Jorge Corrula, alguns colegas de elenco.

 

Leia ainda:
Ângelo Rodrigues: documentário que mostra ator no hospital estreia este mês
Ângelo Rodrigues foi internado em estado grave com infeção na perna há um ano
Ângelo Rodrigues sujeito a várias intervenções médicas à perna!
Texto: Ana Filipe Silveira; Fotos: reprodução redes sociais

 

 

PUB
Top