Dolores Aveiro faz revelação: “Queriam mandar a marquise do Cristiano Ronaldo para a TVI”

Dolores Aveiro quebrou o silêncio sobre a polémica construção idealizada por Cristiano Ronaldo, entretanto demolida, revelando que houve quem quisesse “mandar a marquise para a TVI”.

21 Set 2021 | 13:31
Dolores Aveiro e Cristiano Ronaldo
-A +A

Dolores Aveiro quebrou o silêncio sobre a polémica em torno da marquise mandada construir por Cristiano Ronaldo no terraço do apartamento de luxo do jogador em Lisboa e que foi demolida por não ser legal. No podcast “ADN de Leão”, conduzido pelo humorista Guilherme Geirinhas, a mãe do futebolista do Manchester United revelou que houve quem quisesse “mandar a marquise para a TVI”.

A matriarca, que nunca chegou a estar na dita marquise, disse ao apresentador que lhe mandaram uma mensagem a pedir para enviar a estrutura para o canal de Queluz de Baixo. “Eu disse: ‘A marquise é destruída, mas não vai para a TVI”, atirou Dolores Aveiro.

Para já, está apenas disponível o teaser do podcast, que será lançado na íntegra ao final da tarde desta terça-feira, 21 de setembro.

 

Veja o teaser da conversa com Dolores Aveiro:

 

 

Cristiano Ronaldo retirou a marquise do apartamento de luxo que tem em Lisboa a 7 de setembro passado, dia em que treinou pela primeira vez com os novos colegas do Manchester United.

A luxuosa penthouse, situada no número 203 da Rua Castilho, deu origem a uma grande polémica, quando o arquiteto responsável pelo projeto, José Mateus, denunciou a ilegalidade da marquise que Cristiano Ronaldo mandou construir e onde estava montado um ginásio para o craque e a família.

No dia 1 de junho, a Câmara Municipal de Lisboa enviou uma vistoria ao local e notificou o jogador para “proceder à reposição da legalidade urbanística”.

A TV 7 Dias esteve no local e mostrou-lhe as fotografias do imóvel, já sem a marquise. Veja-as aqui.

 

Texto: Ana Filipe Silveira; Fotos: reprodução redes sociais

PUB