“Duas são ex-alunas”: Leonor Poeiras expõe mais alegadas vítimas de psicanalista

Leonor Poeiras disse ter sido contactada por mais quatro alegadas vítimas de assédio sexual por parte do psicanalista Frederico Pereira. “Duas são suas ex-alunas”, afirmou a apresentadora.

08 Mai 2021 | 16:30
-A +A

Depois de Leonor Poeiras ter afirmado que fora vítima de assédio sexual e moral pelo psicanalista Frederico Pereira, em setembro de 2012, a apresentadora voltou a dar novos detalhes. Através das redes sociais, a comunicadora contou, na manhã desta sábado, que, após a divulgação do seu caso, recebeu quatro mensagens de mulheres que terão sido igualmente vítimas do mesmo homem.

“Até agora, recebi mensagens de quatro mulheres que passaram pelo mesmo com o prestigiado psicanalista em causa. Duas são suas ex-alunas”, começou por dizer Leonor Poeiras. E continuou: “A maioria dos portugueses julga que assédio se resume a um apalpão no rabo… e que quem denuncia publicamente o faz porque quer ser falado. O caminho será longo, mas vamos para a frente.”

 

Psicanalista reage a acusação de Leonor Poeiras e fala em “pessoas perturbadas”

 

A ex-apresentadora da TVI alegou, em entrevista ao Expresso, ter sido vítima de assédio sexual e moral pelo psicanalista Frederico Pereira. A comunicadora disse ter recebido uma “mensagem erótica” do terapeuta que a chocou profundamente.

Em sua defesa, o ex-psicanalista de Leonor Poeiras alega que a mensagem que terá enviado à apresentadora não passou de uma “expressão de um sonho”. “De facto, às quatro da manhã, quando acordei, terei dito essas coisas. Mas esse assunto ficou por aí. Não tem nenhuma insinuação sexual”, assegurou, à mesma publicação, dizendo ainda que não deve “responder a pessoas perturbadas”.

Frederico Pereira é um dos especialistas mais conceituados na área de Psicanálise e foi o primeiro reitor do Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida (ISPA).

 

Leia aqui tudo o que Leonor Poeiras disse sobre o caso de assédio sexual de que terá sido alvo por parte do psicanalista Frederico Pereira.

 

Texto: Márcia Alves; Fotos: reprodução redes sociais

PUB