E se a princesa Diana ou Freddie Mercury não tivessem morrido, como estariam atualmente?

Com recurso à inteligência artificial, fotógrafo recria retratos de famosos que já morreram. O projeto ‘As If Nothing Happened’ (Como Se Nada Tivesse Acontecido) tem recriado as imagens de famosos.

01 Out 2022 | 8:00
-A +A

Quem nunca imaginou como estariam hoje, por exemplo, a princesa Diana ou Freddie Mercury, celebridades que morreram cedo demais? Foi a partir dessa premissa que o fotógrafo turco Alper Yesiltas criou o projeto ‘As If Nothing Happened’ (Como Se Nada Tivesse Acontecido).

O também advogado, que tira fotografias há mais de 19 anos, tem-se dedicado, nos últimos tempos, a recriar imagens de celebridades e de personalidades de renome internacional que já morreram, com recurso à inteligência artificial. E os resultados são impressionantes e estão a correr mundo.

Num texto publicado no Bored Panda – onde pode ver o trabalho do fotógrafo – , o artista explica o quão entusiasmado ficou com a tecnologia e o projeto. “Queria ver algumas das pessoas de quem sentia falta na minha vida e foi assim que este projeto surgiu”, conta. “A parte mais difícil de todo o processo criativo foi fazer com que as imagens parecessem reais. O momento que eu mais gosto é quando acho que a fotografia que está na minha frente parece tão realista, como se tivesse sido tirada por um fotógrafo recentemente”, partilha.

A coleção completa – que também, pode ser vista na página de Instagram do fotógrafo –  conta com personalidades como a princesa Diana, Michael Jackson, Elvis Presley, o rapper Tupac Shakur, Kurt Cobain, Freddy Mercury, o ator Heath Ledger, Amy Winehouse ou de John Lennon dos Beatles, por exemplo.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Alper Yesiltas (@alperyesiltas)

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Alper Yesiltas (@alperyesiltas)

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Alper Yesiltas (@alperyesiltas)

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Alper Yesiltas (@alperyesiltas)

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Alper Yesiltas (@alperyesiltas)

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Alper Yesiltas (@alperyesiltas)

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Alper Yesiltas (@alperyesiltas)

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Alper Yesiltas (@alperyesiltas)

 

Texto: Inês Neves; Fotos: reprodução Alper Yesiltas

PUB