Equipa de “Dia de Cristina” testada à COVID-19 após caso de Bárbara Bandeira

Apesar de, além de Cristina Ferreira, nenhum elemento da equipa do programa “Dia de Cristina” ter estado em contacto com Bárbara Bandeira, a TVI decidiu testar todos os profissionais à COVID-19.

23 Out 2020 | 14:57
-A +A

Bárbara Bandeira revelou, esta sexta-feira, que está infetada com COVID-19, precisamente dois dias depois de ter sido uma das convidadas do programa “Dia de Cristina”. Face à constatação de que a jovem cantora tinha contraído o novo coronavírus, todos os elementos da equipa do formato apresentado por Cristina Ferreira – nomeadamente a própria – foram testados ao novo coronavírus.

Em declarações à TV 7 Dias, fonte oficial da TVI começa por confirmar que a Diretora de Entretenimento e Ficção “está em casa e está bem”. “Assim que Cristina Ferreira soube que Bárbara Bandeira estava infetada com COVID-19, foi para casa”, indica a mesma interlocutora, garantindo que a apresentadora “está a seguir as orientações da Direção-Geral da Saúde e a permanecer em casa, seguindo o protocolo”.

“Mais ninguém da equipa de ‘Dia de Cristina’ esteve em contacto direto com Bárbara Bandeira sem máscara, além de Cristina Ferreira. Mesmo assim, toda a equipa foi testada à COVID-19”, garante fonte oficial da TVI.

 

Convidados contactados pela TVI

 

Além da futura acionista do canal de Queluz de Baixo, estiveram lado a lado de Bárbara Bandeira, sem qualquer proteção, os também cantores David Gomes e Miguel Guerreiro. Todos eles participaram no concurso “Uma Canção Para Ti”, o que serviu de mote para a presença dos três no programa que Cristina Ferreira conduz em nome próprio.

Contactado pela TV 7 Dias, David Gomes revela que entrou em isolamento desde que, há poucas horas, soube que Bárbara Bandeira tinha contraído o novo coronavírus. “Estou em casa, ótimo e sem sintomas. Vou tentar fazer o teste o mais rapidamente possível”, afirma, confirmando que foi contactado pela TVI para ser informado sobre o caso.

Um dado que, de resto, Cristina Ferreira já tinha adiantado numa mensagem deixada nas redes sociais: “Avisámos todas as pessoas que tiveram contacto com ela para ficarem atentos. Eu fiquei imediatamente em isolamento e aguardamos agora os dias recomendados para fazer o teste, uma vez que não tenho sintomas. Fiz ontem [quinta-feira] um teste serológico, que deu negativo. Mas a recomendação é que se repita três dias depois do contacto.”

 

Texto: Dúlio Silva; Fotografias: reprodução redes sociais

PUB
Top