Érica Silva acusa produção do “Big Brother” de manipular as votações

Érica Silva afirma que TVI e Endemol manipulam as expulsões e revelou um episódio que se passou consigo: “Se eu não quisesse sair, eu não saía”.

22 Nov 2020 | 22:00
-A +A

Érica Silva, que saltou para a ribalta em 2013 na “Casa dos Segredos”, garante que a TVI e a Endemol (produtora do “Big Brother”) manipulam as votações.

Esta revelação polémica foi feita durante um direto entre o site do Dioguinho e Luís, do “Big Brother”, ao qual estavam a assistir centenas de seguidores, que iam deixando mensagens a comentar a conversa.

“Eu, como já não tenho contrato assinado, posso falar daquilo que sei e daquilo que vivi. Sim, é muita manipulação”, afirmou, ilibando, porém, a apresentadora do reality show: “Mas atenção que não é a Teresa Guilherme que faz isso! Há toda uma Endemol por trás”.

 

Érica conta episódio que se passou consigo

A seguir, a ex-concorrente da “Casa dos Segredos”, que acabaria por entrar depois em vários outros reality shows, contou uma situação que se passou consigo. Quando a madeirense entrou n’”A Quinta”, teve uma grande discussão com Diogo Marcelino, também ele ex-concorrente da “Casa dos Segredos, e bateu-lhe com um banco nas costas.

Em vez de ser expulsa, a produção abriu uma votação especial para o público escolher e os telespetadores acabaram mesmo por expulsá-la: “Dou-te o meu exemplo. Se eu não quisesse mesmo sair, eu não saía. Eles manipulavam as votações e eu ficava. Garanto-te!”

Texto: Patrícia Correia Branco; Fotos: Reprodução redes sociais

 

Leia ainda:
Érica Silva já esteve “na mira” de Rui, mas… «Nunca nos envolvemos»

PUB
Top