“Estava na merd*”: Leonor Poeiras ficou “triste e deprimida” após polémica saída da TVI

Leonor Poeiras abriu o jogo sobre o estado em que ficou depois de ter sido dispensada pela TVI. A “tábua de salvação” da apresentadora foi o podcast que criou e que a deixou “muito ocupada”.

16 Fev 2021 | 21:00
-A +A

Sem floreados e com a sinceridade que lhe é reconhecida. Foi desta forma que, em entrevista, Leonor Poeiras, de 40 anos, abordou a forma como ficou nos meses subsequentes à sua controversa saída da TVI, cujos contornos levou a apresentadora a avançar judicialmente contra o canal de Queluz de Baixo.

“Eu estava na merda no ano passado. Estava triste, estava deprimida, estava a sentir-me a maior inútil”, afirmou a comunicadora, em conversa com Daniel Fontoura e Rodrigo Gomes, no programa da RFM “Wi-Fi”. O que a “salvou” foi o projeto que entretanto criou: o podcast “Levantar Poeira”.

“Foi uma tábua de salvação para mim. […] Eu estou muito ocupada desde que comecei a levar isto um bocado mais a sério”, admitiu Leonor Poeiras, que disponibiliza o seu projeto em três plataformas distintas: IGTV, do Instagram, Spotify e YouTube.

No seu podcast, cabe tudo. Já conta com nove edições, uma das quais com o antigo apresentador Carlos Cruz e outra com o cantor brasileiro Ney Matogrosso, e não há nenhum compromisso em termos de periodicidade.

 

Goucha deixou Leonor Poeiras “muito comovida” com “mensagem muito especial”

 

Na mesma entrevista, Leonor Poeiras revelou ainda que Manuel Luís Goucha lhe enviou “uma mensagem muito especial” quando foi do conhecimento público que a apresentadora tinha sido dispensada pela TVI ao fim de 17 anos de ligação.

“Eu estava a espera que ele me dissesse alguma coisa, mas o conteúdo da mensagem extrapolou as minhas expectativas”, afirmou a comunicadora, não entrando em detalhes sobre o conteúdo da conversa. “A mensagem dele foi muito bem recebida. Fiquei muito comovida com o que ele me escreveu”, acrescentou apenas.

“E quem não te mandou uma mensagem e de quem tu estavas à espera de receber?”, perguntaram os radialistas. “Algumas pessoas”, admitiu Leonor Poeiras. “Há muitas pessoas da TVI – não estou a falar dos meus amigos, estou a falar de pessoas com quem trabalhava – que não me dizem nada desde então”, revelou a apresentadora, recusando avançar com nomes.

“Elas sabem quem são”, disse, num tom bem-disposto. “E há mulheres… Onde é que está essa sororidade, amigas?!”, rematou a comunicadora.

 

Texto: Dúlio Silva; Fotos: Arquivo Impala e reprodução redes sociais

PUB
Top