Ex-Love On Top revela DEPENDÊNCIA DE ÁLCOOL: «Voltei a perder-me!»

A passagem de Daniel Monteiro pelo Love On Top deixou marcas «psicológicas». O ex-concorrente, que superou recentemente a adição ao álcool, confessa que «praticamente desistiu de viver».

27 Fev 2019 | 20:45
-A +A

Daniel Monteiro, ex-concorrente da sétima edição do Love On Top, revelou esta terça-feira, 26 de fevereiro, ter «problemas com o álcool». O stripper, que depois da saída da mansão do amor apagou a conta de Instagram, regressou à rede social e revelou ter um passado de adição, confessando que a passagem pelo reality show da TVI o deixou «psicologicamente atormentado».

«Também tenho problemas, não sou perfeito. Quem me acompanhou no programa sabe que eu tinha uma história má com o álcool. Desde que saí do programa fiquei psicologicamente atormentado, sentia-me uma autêntica m****. Sentia-me perdido e voltei a perder-me no álcool e tabaco! Estraguei a minha cabeça e o meu corpo não tinha forças para fazer mais nada a não ser beber e esperar que, tudo o que estava a passar, fosse apenas um pesadelo», começa por partilhar nas Stories do Instagram.

Daniel confessa que na altura se sentia «a pior coisa do mundo» e que teve de se ausentar do trabalho devido ao problema com o álcool. Depois de «praticamente ter desistido de viver», o ex-concorrente revela como conseguiu voltar a ser «ele mesmo».

Leia ainda:  Daniel PERDE A CABEÇA e ABANDONA o jogo

 

«Até que um dia tive um sonho e, nesse sonho, estava o meu pai a levantar-me do chão. Tinha os joelhos esmurrados e ele apenas me disse: ‘O tempo cura tudo. O tempo não pára. Se te esqueceres das feridas conseguirás caminhar’», continua. E acrescenta: «O primeiro passo foi tentar alimentar-me melhor. O segundo, foi inscrever-me no ginásio novamente».

Agora, quatro meses depois, Daniel afirma estar «sem beber e fumar». «Foi difícil voltar a ser a pessoa que eu era antes mas hoje, estou aqui.» O ex-concorrente deixa ainda uma mensagem de incentivo aos seguidores. «Se eu mesmo consegui mudar a minha vida todos vocês conseguem. Seja para ter um físico melhor, um carro melhor, um trabalho melhor. Qualquer sonho que tenham, corram atrás. Incentivem mais e critiquem menos. Vamos ser mais sensatos e deixar-nos de maldades», termina.

Texto: Redação WIN – Conteúdos digitais/ Fotos: Redes Sociais

PUB
Top