Ex-Love On Top que trabalha em lar de idosos revela: «Custa-me vê-los gritar de dores»

Beunice Pereira, ex-concorrente de Love On Top, começou a trabalhar recentemente num lar de idosos em plena pandemia de Covid-19. Conheça o relato impressionante da ex-Top Girl, em exclusivo.

16 Abr 2020 | 21:00
-A +A

Foi há cerca de um mês que Beunice Pereira abraçou o desafio de exercer a sua área de formação como técnica auxiliar de saúde. À TV 7 Dias, a ex-concorrente de Love On Top explica como têm sido os últimos tempos neste trabalho de risco, em plena pandemia de Covid-19.

A trabalhar num lar localizado na margem sul, Beunice passa os dias a desempenhar tarefas como dar banhos aos idosos, vesti-los, dar comida à boca aos que estão dependentes, ajudá-los nas deslocações, como idas à casa de banho, fazer e desfazer camas ou deitá-los nas mesmas. Devido ao Estado de Emergência decretado pelo Governo português, que proibiu as visitas aos lares para controlar o coronavírus junto deste grupo de risco, a jovem confessa que tem vivido tempos «complicados».

«É duro estar a trabalhar por 14 dias sem ter um dia de folga»

«Têm sido complicado, muito complicado mesmo. Por causa desta pandemia eles não podem receber visitas. Já há semanas que não recebem e andam um pouco tristes, o que é perfeitamente normal. E nós, como profissionais de saúde, também não podemos abraçá-los, nem beijá-los, o que nos custa imenso porque eles pedem, eles sentem falta. E nós, por mais que queiramos, não podemos. Se o fizéssemos, estaríamos a ser egoístas e irresponsáveis», começa por dizer.

Por segurança, a equipa de trabalho encontra-se dividida em dois grupos: «Um grupo trabalha durante 14 dias seguidos por 12 horas, enquanto o outro grupo fica em casa esses mesmos dias e depois trocam. Foram as ordens que recebemos então temos que cumprir, mas confesso que não está a ser nada fácil. É duro estar a trabalhar por 14 dias sem ter um dia de folga, mas temos que nos sacrificar e acreditar que tudo isso vai passar». No período em que está em casa, Beunice tem todos os cuidados e só se cruza com a mãe, de quem mantém o máximo de distância possível. «Nem meto os olhos em cima dos meus familiares sequer. Passo os dias em casa e só saio quando há mesmo uma grande necessidade», refere.

À nossa revista, Beunice assume ter «um pouco de medo», mas o dever de ajudar quem mais precisa acaba por vencer: «Não deixo esse medo dominar-me porque senão iria, de certa forma, prejudicar o meu desempenho no trabalho». Para já, não surgiu nenhuma suspeita de utentes infetados no lar em que trabalha e a ex-concorrente do reality show da TVI assegura que estão a ser tomadas todas as medidas de precaução para que isso não aconteça.

«Têm-se sentido muito em baixo por não terem visitas»

A proximidade aos seniores permite-lhe ter uma sensibilidade diferente e um olhar mais atento sobre o que os idosos estão a passar neste momento difícil. «Têm-se sentido muito em baixo por não terem visitas. Fazemos o nosso melhor para que eles não sintam tanto a falta da família.. tentamos sempre distraí-los», afirma.

Beunice explica que, independentemente de todas as dificuldades, esta sempre foi a sua profissão de sonho, pela qual lutou. «Em relação ao trabalho em si não me custa nada! Já estou mais do que habituada, não é a primeira vez que trabalho com idosos! Além disso, sempre tive uma paixão por eles. Prefiro cuidar de idosos, aprendemos muito com eles. Mas uma das coisas que mais me custa é vê-los chorar, gritar de dores, isso custa-me imenso porque fico de mãos e pés atados, não consigo fazer nada para tirá-los de imediato daquela situação», conta à TV 7 Dias.

Apesar de tudo, a ex-Top Girl prefere manter-se otimista. «Prefiro acreditar que as coisas em breve voltarão ao normal, mas se isso continuar até ao final do ano, acredito que haja famílias que irão tirar os seus pais/avós dos lares por falta de condições financeiras. Não digo que todos o irão fazer, mas talvez as famílias com mais dificuldades», alerta.

Texto: Inês Borges/ Fotos: DR

Veja também:
Love On Top: VÍTIMA DE RACISMO, Beunice REVELA episódios GRAVES
Beunice e Helena de Love On Top andam À PORRA E À MASSA!

 

Pontos de Venda das Nossas Revistas:

 

PUB
Top