Exército desmente-o: Ex-concorrente de “Hell’s Kitchen” acusado de mentir na SIC

Raúl Emmerich, ex-concorrente do programa da SIC “Hell’s Kitchen”, afirmou ter estudado na Academia Militar e passado pelos Rangers. Contudo, fonte da instituição veio contrariar estas declarações.

04 Abr 2021 | 21:05
-A +A

Raúl Emmerich foi o primeiro concorrente a ser expulso de “Hell’s Kitchen”, formato conduzido por Ljubomir Stanisic. Está, agora, a ser acusado de ter mentido à SIC quando marcou presença no programa da tarde do mesmo canal, apresentado por Júlia Pinheiro.

Nesta sua participação, para contar como tinha sido a sua experiência no formato dos domingos à noite da estação de Paço de Arcos, Raúl Emmerich, de 52 anos, disse ter estudado na Academia Militar e passado pelos Rangers, militares de forças de operações especiais. No entanto, ao Jornal de Notícias, fonte da instituição diz que “não se reconhece o referido cidadão como tendo prestado serviço no Exército Português”.

 

Ex-concorrente de “Hell’s Kitchen” recusou-se a comentar assunto

 

Ao mesmo jornal, o ex-concorrente de “Hell’s Kitchen” recusou-se a comentar, escudando-se no contrato que assinou com a SIC e que o impedirá de prestar declarações. Já o canal frisou ser “alheio aos aspetos da vida pessoal do concorrente”.

Os espectadores estão indignados com a alegada mentira de Raúl Emmerich. “Foi para o Colégio Militar aos cinco anos? Só se entra aos 10 para o 5º ano! Já aí começa a mentira. Aos 16 foi para a Academia Militar, onde se entra com o 12º ano?”, questiona um internauta. “Nunca o vi no cardápio do Centro de Instrução de Operações Especiais de Lamego [conhecidos como Rangers]” ou “Nem tão pouco as idades que indica são compatíveis com a admissão nos estabelecimentos militares que refere” são comentários deixados nas redes sociais.

 

Texto: Ana Filipe Silveira; Fotos: Divulgação SIC e reprodução redes sociais

PUB