Festival da Canção: finalistas dão CONCERTO IMPROVISADO em Portimão!

Os oito finalistas do Festival da Canção já estão a acertar os últimos detalhes para o grande dia. Mas antes, houve passeio em Portimão… e até um concerto improvisado.

01 Mar 2019 | 16:15
-A +A

Se, há um ano, chovia a cântaros em Guimarães, cidade que recebeu o Festival da Canção 2018, este ano o cenário não podia ser mais diferente. O bom tempo que se faz sentir no barlavento algarvio convida a passeios à beira-mar, ou melhor, à beira-rio.

Com o Arade em pano de fundo, os oito finalistas do Festival da Canção 2019 interromperam os ensaios para fazerem um pequeno passeio pelo centro de Portimão, encontrarem-se com a imprensa e também com a presidente da câmara, Isilda Gomes.

Recorde: Os 8 finalistas do Festival da Canção 2019

 

Quem não estivesse a par do que se passa por estes dias na cidade algarvia, diria que se tratava de um grupo de amigos em passeio, tal é a boa disposição e camaradagem que reina entre o grupo, do qual apenas um sairá vencedor e representará as cores nacionais na Eurovisão, em Israel.

Entre selfies, stories e posts para as redes sociais, houve até um concerto improvisado. Matay deu o mote e os restantes músicos juntaram-se para uma versão a capella de Stand by Me.

Veja o vídeo

 

«Não pagamos nada à RTP».

 

A vontade da autarquia portimonense de receber o Festival da Canção concretizou-se este ano. A cidade que sucede a Guimarães é, por estes dias, a anfitriã das comitivas concorrentes e o Portimão Arena o palco onde tudo vai acontecer.

Em entrevista à TV 7 Dias, Isilda Gomes explicou como funciona a parceria entre a autarquia e a RTP, a organizadora do Festival. «O que nós temos de dar são os meios: o alojamento, as refeições, o espaço, a segurança. É essa a forma que temos de colaborar com a RTP», começa por dizer, esclarecendo ainda que, nesta parceria, não estão envolvidos quaisquer valores pecuniários. «Não há um pagamento, não há uma taxa. Não pagamos nada à RTP. O que nós damos são os meios para eles poderem realizar aqui o evento».

Ao longo do ano, adianta ainda a edil portimonense, o município continuará a ver o seu nome promovido nas plataformas RTP. «Temos a garantia que, pelo menos uma vez por mês, vamos ter a divulgação de um evento relacionado com a cidade europeia do Desporto e outros eventos que vamos contratualizar com a RTP».

 

Veja mais: Festival da Canção supera audiências de 2018

 

Isilda Gomes explica ainda que a associação da autarquia ao Festival «já projetou» o município para o país e para o mundo. «Portimão é um enorme município porque tem uma disponibilidade de meios para toda a gente, da área desportiva à cultural. Isto é um enorme orgulho para quem gere uma cidade mas deve ser sobretudo um orgulho para os portimonenses».

Num ano em que Portimão é a Cidade Europeia do Desporto e que irá acolher, em maio, uma prova do campeonato do mundo de fórmula 1 em motonáutica, o Festival da Canção é, segundo Isilda Gomes, «a cereja no topo do bolo». «Vamos fazer parte da história da Eurovisão».

 

O Festival da Canção 2019 acontece este sábado, 2 de março. A transmissão em directo arranca às 21h00.

 

Texto: Raquel Costa | Fotos: Zito Colaço

PUB
Top