“Fica o aperto no peito”: Andreia Dinis recorda mãe que morreu vítima de cancro

Andreia Dinis assinalou 10 anos da morte da mãe, Maria da Graça, com um texto profundamente emotivo. A atriz, de 43 anos, fala de saudade e de lembranças

25 Nov 2021 | 11:55
-A +A

Uma dor sem fim. Andreia Dinis prestou uma emocionante homenagem à mãe, esta quarta-feira, 24 de novembro, dia em que se assinalam 10 anos após a morte de Maria da Graça.

A atriz, de 43 anos, partilhou uma fotografia onde surge ao lado da mãe, nas redes sociais, e recordou-a com amor. “Uma década! 10 anos! 10 anos de conversas que não foram trocadas, de desabafos que não foram feitos, de conselhos, carinhos, beijos, mimos que não foram dados, de momentos que não foram partilhados e vividos. Ficam as lembranças. Fica a memória. Fica o aperto no peito… Fica a saudade!”, lê-se na legenda. 

Várias foram as mensagens de força deixadas por familiares, amigos e fãs de Andreia Dinis na caixa de comentários da publicação no Instagram.

A mãe da atriz morreu em 2011, aos 53 anos, vítima de cancro. Na altura Andreia Dinis tinha 33 anos.

 

“Sei as marcas que me deixaram”: Andreia Dinis recorda episódios de bullying

Andreia Dinis abriu o coração para revelar que, em miúda, foi vítima de bullying. A sua confissão surge depois do caso de um jovem que foi atropelado no Seixal, na sequência de ter sido vítima de uma alegada prática de bullying por parte de colegas.

A atriz começa por dizer que pensou bastante se deveria, ou não, partilhar a foto na qual surge com a mãe, nos seus tempos de criança. No entanto, achou que o assunto que está na ordem do dia o justificava.

“Esta sou eu, do alto dos meus 12 anos. Uma miúda alegre, divertida, com amigos… que sofria de Bullying. Muito se fala hoje nesta temática. Face ao que aconteceu esta semana em que uma criança sofreu bylling às mãos dos colegas e quase foi atropelada, é importante falar!”, esclareceu.

Veja tudo aqui.

 

Texto: Joana Dantas Rebelo, Fotos: redes sociais 

PUB