Foi quase “Noite de Cristina”: César Mourão e “Terra Brava” lideram frente à TVI

“Noite de Cristina” foi o quarto programa mais visto deste sábado, três lugares atrás de “Esperança”, que lidera a tabela. Também “Terra Brava” ganhou o confronto com o programa de Cristina Ferreira.

20 Dez 2020 | 16:30
-A +A

Foi por pouco, mas não ganhou. O programa especial “Noite de Cristina”, feito a partir do estúdio em que Cristina Ferreira conduziu, durante os últimos três meses, “Dia de Cristina”, perdeu para as apostas da SIC: a estreia da série “Esperança” e mais um episódio da novela “Terra Brava”.

Em média, a Diretora de Entretenimento e Ficção da TVI foi acompanhada por 1 milhão e 114 mil espectadores, tendo registado 22,6% de share. Foi o quarto programa mais visto deste sábado.

O lugar cimeiro da tabela foi ocupado pela nova produção da SIC. A emissão inaugural da trama protagonizada por César Mourão foi vista por 1 milhão e 227 mil espectadores, o equivalente a 23,5% de quota de mercado. No confronto direto, “Noite de Cristina” registou menos um ponto percentual de share.

Também a novela protagonizada por Mariana Monteiro e João Catarré venceu frente ao programa especial de Cristina Ferreira. Fidelizou à antena de Paço de Arcos uma média de 994,7 mil espectadores e assinalou 22,8% de share. A TVI voltou a ficar a um ponto percentual de quota de mercado da SIC.

Destaque ainda, no horário nobre, para “Abraços com História”. Originalmente transmitido no programa “Casa Feliz”, o projeto foi repetido pela SIC logo após “Jornal da Noite”. E foi, também ele, líder de audiências, com 1 milhão e 227 mil espectadores e 21,5% de share.

A RTP1 nunca se conseguiu impor, tendo sido a terceira escolha do público com todas as suas ofertas.

 

Maria Botelho Moniz consegue a melhor audiência

 

À tarde, “Conta-me” foi líder de audiências. Transmitida pela TVI depois do imbatível “Alta Definição”, da SIC, a entrevista de Cristina Ferreira a Maria Botelho Moniz registou o melhor resultado de sempre, com 822 mil e 500 espectadores e 21,4% de quota de mercado. No mesmo horário, a estação de Paço de Arcos transmitia “E-Especial”, que ficou a aproximadamente 250 mil espectadores.

Também “VivaVida”, apresentado por Ruben Rua e Helena Coelho, teve a melhor prestação. Líder de audiências, fixou-se nos 606 mil espectadores e registou 16,6% de share.

A emissão especial do reality show “Big Brother – A Revolução”, conduzida por Maria Botelho Moniz e Mafalda Castro, também reuniu a preferência dos espectadores… até à entrada de “O Preço Certo” na antena da RTP1. Aí, Fernando Mendes foi rei e senhor do horário. Em média, o programa da TVI foi acompanhado por 754 mil e 600 telespectadores e teve 16,9% de quota de mercado.

De manhã, o último “Olhó Baião” foi líder de audiências, com 357 mil espectadores e 17,4% de share.

Nas contas gerais do dia, a SIC foi o canal mais visto pelos portugueses, com 17,2% de quota de mercado, contra os 16,6% de share obtidos pela TVI. A RTP1 não foi além dos 10,7%.

 

Texto: Dúlio Silva; Fotos: Arquivo Impala e Divulgação

PUB
Top