Francisco Vale revela pormenores sobre relacionamento com “mulher madura”

Francisco Vale foi o convidado desta manhã do programa Dois às 10 e não deixou nada por dizer sobre as polémicas à volta do seu nome.

18 Dez 2023 | 11:36
-A +A

Francisco Vale foi o concorrente expulso na última gala do Big Brother e esteve presente na manhã desta segunda-feira, dia 18 de dezembro, no programa Dois às 10. Em conversa com Cristina Ferreira e Cláudio Ramos, o ex-concorrente confessou que nunca se sentiu desorientado no jogo: “Desorientado não, sabia perfeitamente onde estava”.

Veja ainda: Ex-concorrente nega (mais uma vez) beijo a Jéssica Galhofas: “Fo**-se, não quero”

“Vi quase como um escape”

O nortenho assumiu que entrou no jogo porque “queria muito viver esta experiência” e por ter sido sempre fã de reality shows. A ideia de ser concorrente do programa da TVI surgiu como um “escape” num momento mais frágil da sua vida: “Tinha acabado de me despedir do trabalho e estava com alguns problemas pessoais (…) Vi quase como um escape”.

Uma das principais preocupações de Francisco ao longo do jogo sempre foi a opinião do pai e Francisco emocionou-se ao saber que o pai sempre o acompanhou em todas as galas: “Vieram-me logo as lágrimas aos olhos”. O jogador de futebol referiu, ainda, que tinha prometido aos pais que nunca se iria envolver com ninguém dentro da casa. “Falei várias vezes com os meus pais antes e eles estava em desacordo em eu ter um relacionamento dentro da casa”, disse, reafirmando que Jéssica Galhofas foi uma surpresa na sua vida.

“Olha estas vergonhas”

Mas afinal, quando é que as coisas com Jéssica começaram a dar para o torto? Francisco revelou que foi quando houve “mais contacto físico” e que os pensamentos sobre o que a mãe estaria a pensar estragaram tudo. “Foi num dia em que houve mais contacto físico entre mim e a Jéssica e pensei no que é que a minha mãe estaria a pensar sobre isso”, disse, referindo que a progenitora sempre criticou esse tipo de envolvimentos dentro de um programa de televisão.

“Lembrei-me da minha mãe, que dizia ‘este é o tipo de concorrente que eu não quero que tu sejas, olha estas vergonhas’… começou a moer por dentro, tornou-se numa espiral e não consegui..”, explicou..

“A Jéssica acabou por levar por tabela por aquilo que eu passei”

“A Jéssica acabou por levar por tabela por aquilo que eu passei, por ser uma pessoa muito controladora.. não sei. É a maneira dela mostrar que gosta de alguém, quero que faças isto e aquilo mas é porque gosto de ti, mas muitas vezes lembrava-me de coisas que se passaram comigo”, acrescentou.

“Muitas vezes ela tenta por forçar algo e eu acabo por dizer porcaria ou algo que a magoa”, afirmou. Cristina confrontou Francisco com a polémica que andou a circular sobre a alegada namorada que deixou cá fora e que fez correr muita tinta. O ex-concorrente esclareceu que o último relacionamento que teve terminou em março desde ano e que, desde então, não teve mais nenhum.

“Havia uma mulher que estava mais próxima e que tínhamos mais intimidade”

“O último que tive acabou em março. Desde então não tive mais nenhum, na altura afastei-me dos meus amigos e depois fiz um grupinho de quatro ou cinco pessoas que estávamos mais próximos. Havia uma mulher que estava mais próxima e que tínhamos mais intimidade. Ajudava-me a ultrapassar várias coisas da minha vida”, começou por dizer.

“Não era amiga colorida, era uma pessoa que me ajudava a perceber o porquê de me terem acontecido algumas coisas no passado, uma pessoa madura, sentia-me muito bem a falar com ela, eu ajudei-a muito também, foi um apoio mútuo que durou até entrar no programa, pensei que ainda ia ter cá fora”, desabafou. Francisco ainda não falou com a mulher em causa, mas confessou que talvez a amiga tenha confundido os sentimentos.

Confessa estar apaixonado por Jéssica

“Lá está, não consigo perceber de onde veio esta história, ela sempre me disse a mim que nunca na vida ia querer ser falada, eu próprio disso que gostava de falar sobre ela abertamente (…) Falei dela à Jéssica”, declarou. Quanto às afirmações que estava sempre a dizer dentro da casa, de que “tinha coisas para resolver”, Francisco garantiu que sempre se referiu ao relacionamento anterior, que terminou em março, e que lhe causou “depressão”

“Estás apaixonado pela Jéssica?”, perguntou Cláudio Ramos. “Estou, genuinamente. Fui verdadeiro em tudo o que disse que  não precisa de estar em casal lá dentro e quando dizia à Jéssica: ‘Isto não é culpa tua, é culpa minha’. As inseguranças dela fazem com que ela se sinta culpada”.

Francisco demonstrou vontade em continuar com a história de amor fora do programa: “Só espero que ela me dê abertura para perceber o meu lado e para me tentar conhecer aqui fora. Ela vai perceber muito melhor a minha maneira de ser”.

Texto: Inês Borges; Fotos: DR
PUB