Gisela João admite não gostar do papel de júri em “All Together Now”

Gisela João, de 37 anos, esteve no programa “Goucha” e abriu publicamente o seu coração. Falou dos familiares, da sua carreira e ainda da sua participação em All Together Now.

02 Abr 2021 | 9:40
-A +A

Gisela João foi a convidada de Manuel Luís Goucha nesta quarta-feira, dia 31 de março. A fadista, de 37 anos, esteve no programa “Goucha” e abriu publicamente o seu coração. E foi logo no início da entrevista que as lágrimas começaram a escorrer-lhe pelo rosto. Gisela João, que sempre assumiu ter o coração na boca, falou dos familiares e emocionou-se ao recordar os avós.

“O meu avô João, que faleceu há uns anos, era o meu amigo que estava longe. Foi, sem dúvida, a pessoa que me ensinou que a vida é mais fácil se for levada a rir e a brincar”, contou. Manuel Luís Goucha atirou que havia uma avó que gostava muito dele quando a artista confidenciou: “Partiu há pouco tempo”.

Ao longo da conversa, frisou a importância dos seis irmãos e que são eles a força da sua vida. “Eu aprendo com os meus irmãos”, garantiu, para depois recordar um episódio com a irmã, Rita, que sofre de uma doença degenerativa.

“Estávamos a fazer um live e eu disse: ‘Diz lá porque és especial’. ‘Eu não sou especial. O preconceito começa logo a픑, recordou.

 “Eu não gosto do papel de júri”

Gisela João é a presidente do júri do “All Together Now”, porém, garante que não gosta do papel de júri. “Eu não gosto do papel de júri. Não me considero júri, não gosto de julgar. Gosto mais de sentir que tenho um papel de encaminhador”, referiu.

E, estar no concurso da TVI acabou por atenuar as saudades do palco, consequência da pandemia. “Eu não sei quando vou poder cantar para as pessoas de novo. Dói horrores porque eu não faço isto para mim. Faço isto para os outros”, confidenciou.

Já sobre o deslumbramento com a fama, Gisela João assume que todos têm um papel importante no mundo. “O deslumbramento é perigoso. Eu acho que ninguém é mais do que ninguém (…). Não pode haver espaço para o ego. Ele é muito matreiro. Isto daqui a nada apaga-se [as luzas] e eu vou para casa”, afirmou.

Porém, assume ser ingénua. “Sinto que sou muito ingénua. Eu acredito nas pessoas”, contou. “E o que fazes para combater a desilusão?”, questionou Manuel Luís Goucha. “Canto fado”, respondeu.

Texto: Márcia Alves
Veja também:
“Discriminação”: Ex-“Casa dos Segredos” arrasa Gisela João em “All Together Now”
Internet “a arder”: Gisela João partilha foto ousada e fãs ficam “doidos”

 

 

PUB
Top