Grávida da Murtosa: Irmã de Mónica Silva acusada de roubar centenas de euros a um amigo

João Valente, amigo da família de Mónica Silva, garante que a família da grávida lhe roubou dinheiro.

16 Mar 2024 | 16:30
-A +A

João Valente, que acompanhou todas as diligências para encontrar a grávida da Murtosa, diz que a irmã gémea lhe terá pedido 1700 euros para pagar prestações, avança o Correio da Manhã. O homem revelou ainda que os familiares de Mónica Silva lhe levaram centenas de euros.

Leia ainda: Grávida da Murtosa: Familiar de Mónica Silva condenado por crime grave

“O meu mealheiro, com centenas de euros, completamente vazio”

O mesmo jornal recorda que foi no primeiro local de buscas, um poço na Murtosa, que João conheceu a família e rapidamente tornou-se próximo. Começou a ir almoçar e jantar fora com Sara. João garante mesmo que lhe transferiu 400 euros e que, a partir daí, a irmã gémea da grávida desaparecida foi sempre pedindo mais e mais dinheiro. “Convidei a Sara e mais familiares para virem almoçar a minha casa. Combinámos ao início da tarde, mas demoraram a aparecer. Depois elas disseram-me para ir passear só com a Sara, que ela queria uma sessão de fotografias, e as restantes ficaram na minha habitação. Quando regressámos elas tinham deixado a porta entreaberta e o meu mealheiro, com centenas de euros, completamente vazio”, disse.

Veja também: Ljubomir Stanisic conhece decisão do tribunal após ser acusado de assédio e ofensas

Texto: Sofia Mendes
Fotos: Redes sociais
PUB