Há uma razão e já é conhecida: Rosinha nunca tira óculos de sol por motivo de saúde

Rosinha apresenta-se sempre em público com óculos de sol por um motivo de saúde. Na entrevista a Daniel Oliveira, para o programa da SIC “Alta Definição”, a cantora explicou tudo.

31 Jul 2021 | 18:57
-A +A

Rosinha tem uma característica imagem de marca graças aos óculos de sol. Seja qual for a ocasião, a cantora não dispensa este acessório e, à conversa com Daniel Oliveira, na emissão deste sábado, 31 de julho, do programa da SIC “Alta Definição”, revelou o verdadeiro motivo para os usar.

“No olho direito, e só no olho direito, falta-me a membrana que o protege da luz solar. Só da luz solar, não da artificial. Se tirasse os óculos, o olho automaticamente fecha. Tenho 50 anos. Há 50 anos, diziam que eu tinha qualquer coisa no olho, porque lacrimejava um bocadinho. Na minha adolescência é que experimentei os óculos de sol e fiquei ‘uau’”, começou por explicar Rosinha.

Como já usa óculos há muito tempo, o olho esquerdo de Rosa Maria Sequeira Inácio, o verdadeiro nome da artista, começou a ganhar sensibilidade à luz. “Fico mais confortável de óculos escuros do que sem eles”, acrescentou.

 

Rosinha desaba em lágrimas ao recordar a morte do pai

 

Na mesma conversa, a cantora abriu o coração para falar sobre a morte do pai, que partiu há nove anos na sequência de uma cirrose medicamentosa. Emocionada, Rosinha recorda o dia 1 de setembro de 2012. A cantora estava em São Miguel, nos Açores, a dar um concerto. Na manhã seguinte, recebeu um telefonema da irmã, que lhe comunicou a morte do progenitor, com quem tinha uma forte ligação.

“O meu pai não estava bem, já há muito tempo que não estava, mas estava pior. Eu viajava. Ia para os Estados Unidos e claro que depois não venho em duas horas dos Estados Unidos para cá. Sabia que, se estivesse fora, as coisas não podiam estar à minha espera. Acabei por deixar os documentos com o Hugo (um amigo) para que pudesse dar andamento às coisas. Eu liguei-lhe e disse: ‘Hugo, já aconteceu. Agradeço que trates das coisas’. E assim foi”, começou por dizer, garantindo que, apesar de o pai estar “muito doente”, não estava preparada para o ver “ir embora”.

 

Leia mais aqui.

 

Texto: Mafalda Mourão; Fotos: Arquivo Impala e reprodução redes sociais

PUB
Top