Intervenção cirúrgica de Marcelo Rebelo de Sousa já acabou!

Presidente da República foi submetido a um cateterismo.

30 Out 2019 | 16:54
-A +A

A intervenção cirúrgica a que Marcelo Rebelo de Sousa foi submetida esta quarta-feira, 30 de outubro, no Hospital Santa Cruz, em Carnaxide, já terminou. Segundo a RTP3, correu tudo bem.

Através de um comunicado divulgado na página da Presidência da República, o Centro Hospitalar de Lisboa Ocidente avança que «na sequência de informação previamente divulgada, o Senhor Presidente da República realizou recentemente exames diagnósticos que sugeriram a necessidade de realização de um cateterismo cardíaco, que realizou hoje na Unidade de Intervenção Cardiovascular do Hospital de Santa Cruz. No exame confirmou-se a existência de obstruções coronárias importantes que foram tratadas no mesmo procedimento, com sucesso e sem complicações».

Na mesma nota é indicado que se espera uma «recuperação total em prazo muito curto», devendo o Presidente da República retomar a atividade normal «no próximo fim de semana».

«O meu avô era cardíaco, o meu pai era cardíaco»

A concretização da operação já tinha sido revelada por Marcelo Rebelo de Sousa, em entrevista a Daniel Oliveira, para o programa da SIC Alta Definição.

«Terei de fazer daqui a semanas um cateterismo», anunciou, na altura, tendo recordado que familiares diretos sofriam de problemas cardiovasculares e que, por isso, decidiu fazer exames de rotina. «O meu avô era cardíaco, o meu pai era cardíaco. Eu achei que devia fazer exames também em matéria cardíaca. A minha hipocondria mandou fazer», afirmou.

Baltasar Rebelo de Sousa, o pai do Presidente da República, morreu em 2002, com um ataque cardíaco fulminante. Marcelo Rebelo de Sousa recordou esse dramático episódio de 2018, quando visitou a Pastelaria Suíça, em Lisboa, local onde o pai morreu. «Genericamente estão bem mas restou uma duvida que vai obrigar a um novo exame. Vou ter de fazer daqui a umas semanas um cateterismo para ver, em relação a um determinado vaso sanguíneo, se acumulação de cálcio está num grau que é ou não excessivo e o que isso significa», explicou.
Veja aqui em que consiste o procedimento feito a Marcelo Rebelo de Sousa.
Veja também:
Marcelo quebra barreiras e assume risco: «Quem me beija, esfaqueia-me facilmente»
Marcelo Rebelo de Sousa revela que problemas de coração podem condicionar recandidatura

PUB
Top