Jéssica Antunes recorda cancro de pele que teve: “Transformou-se num coágulo de sangue”

A namorada de Rui Pedro revelou aos seguidores que tipo de cancro de pele teve. Jéssica Antunes revela que não precisou de tratamentos mais agressivos.

06 Fev 2021 | 8:00
-A +A

Jéssica Antunes concedeu esta quinta-feira, 4 de fevereiro, a oportunidade de responder a perguntas dos seus seguidores nas redes sociais. Entre as várias questões, a mesma foi inquirida sobre a cicatriz que tem na anca e que resultou de um cancro da pele.

Foi aí que a ex-concorrente do “Big Brother – A Revolução”, da TVI, não só recordou a história como também mostrou, sem pudores, como ficou a cicatriz após a cirurgia.

“Nada foi detetado”

Tudo começou em 217. “Apareceu-me uma pequena nódoa negra na anca que transformou-se numa espécie de coágulo de sangue”, começou por dizer a namorada de Rui Pedro.

Na altura, não atribuiu importância ao assunto, mas devido à sua profissão de bailarina era algo que “acabava por se tornar incomodativo, uma vez que inchava e desinchava regularmente”. Foi então que Jéssica Antunes consultou um dermatologista e realizou vários tipos de exames. Porém “nada foi detetado”.

“É uma doença genética rara”, diz Jéssica Antunes

“A médica que na altura me seguia perguntou-me se ainda assim queria fazer a cirurgia para remover esse ‘coágulo’ por uma questão estética e eu felizmente quis. No decorrer dessa cirurgia perceberam que não era apenas um coágulo e mandaram a amostra para biópsia, na qual foi detetado um tumor maligno”, recordou a também influenciadora digital. “Dermatofibrossarcoma Protuberans é o nome do cancro de pele que eu tive. Não [foi] provocado pelo sol. É uma doença genética rara”, explicou ainda.

Jéssica Atunes foi “reencaminhada de imediato” para um hospital onde foi submetida a uma intervenção cirúrgica para retirar o tumor maligno. “Nessa cirurgia conseguiram remover todas as células cancerígenas que tinha e atualmente só preciso de ir às consultas de rotina”, contou.

Não foi preciso fazer quimioterapia nem radioterapia

Foi durante a sua participação no “Big Brother” que Jéssica havia revelado pela primeira vez que tinha lutado contra um cancro de pele. “Felizmente, foi tudo tratado na operação. […] Não foi preciso fazer quimioterapia nem radioterapia”, afirmou na altura sem avançar mais detalhes.

Texto: Alexandre Oliveira Vaz; Fotos: Redes Sociais
Leia também:
“Sentiste que não voltavas mais”: Jéssica Antunes de rastos com a morte de avô

PUB
Top